SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Bruno Eustáquio é nomeado secretário-executivo do MInfra. Felipe Queiroz assume SNTT

Bruno Eustáquio é nomeado secretário-executivo do MInfra. Felipe Queiroz assume SNTT


Fonte: Ministério da Infraestrutura (4 de maio de 2022 )

A Secretaria-Executiva do Ministério da Infraestrutura e a Secretaria Nacional de Transportes Terrestres (SNTT) contam com novos titulares. Conforme publicado no Diário Oficial da União, no comando da Executiva, entra o especialista em políticas de Infraestrutura Bruno Eustáquio, que ocupava o cargo de secretário-executivo adjunto do Ministério de Minas e Energia desde 2019.

 

Atual secretário-executivo substituto do MInfra, Felipe Queiroz assume como titular da SNTT, no lugar de Marcello Costa, que estava na função desde novembro de 2019. Já o ex-chefe de gabinete do ministro, o engenheiro e perito da Polícia Federal Alan de Oliveira Lopes, foi desginado como secretário-executivo ajunto do MInfra.

 

A chefia do gabinete do ministro ficará a cargo de Leandro Monteiro de Souza Miranda, antigo chefe de gabinete da Secretaria-Executiva do MInfra.

 

Confira o perfil dos nomeados:

 

Bruno Eustáquio: É servidor efetivo da carreira de analista de Infraestrutura do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão há mais de 10 anos. Exerceu as seguintes funções na Presidência da República: coordenador do tema de minas e energia pelo grupo de infraestrutura na transição governamental (2018-2019); diretor e secretário substituto em coordenação e estruturação de projetos no setor de energia, petróleo e gás e mineração, coordenador da carteira de projetos do PPI e da agenda de licenciamento ambiental da Secretaria do Programa de Parcerias de Investimentos (2015-2019); e chefe de gabinete e coordenador de projetos de infraestrutura da Secretaria de Assuntos Estratégicos (2012-2015).

 

Eustáquio é engenheiro civil graduado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), doutor em tecnologia ambiental e recursos hídricos pela Universidade de Brasília (UnB) e pela Universidade de Lisboa; além de especialista em políticas de infraestrutura pela Escola Nacional de Administração Pública. Também é mestre em tecnologia ambiental e recursos hídricos pela UnB e pela UFMG.

 

 Felipe Queiroz: Atua na Infraestrutura desde 2014 – à época Ministério dos Transportes. Foi chefe da Divisão de Banco de Informações e Mapas da Secretaria de Política Nacional de Transportes até 2017. Também atuou como coordenador-geral de Informação da Secretaria Nacional de Transportes Terrestre e Aquaviário. Em 2019, tornou-se assessor e, em 2020, chefe de gabinete da Secretaria-Executiva do Ministério da Infraestrutura. Em abril de 2021, foi designado a secretário-executivo substituto, posto que assumiu com a nomeação do ministro Marcelo Sampaio.

 

Iniciou a vida profissional em 2006, como técnico em Informações Geográficas no Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De 2007 a 2013, atuou como técnico de Infraestrutura de Transportes no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). Graduado em Geografia pela Universidade de Brasília (UnB), tem especialização em gestão pública com ênfase em projetos pela Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Atualmente, cursa o mestrado em economia na Escola de Economia da FGV-SP.

 

 

Leandro Miranda

Formado em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Leandro Monteiro de Souza Miranda é especialista em regulação de Aviação Civil e doutorando em sistemas de transportes pela Universidade de Coimbra.]

 

Atuou como gerente-técnico de Operações Internacionais e como coordenador de Slots na Superintendência de Acompanhamento de Mercado da Anac; e ainda como gerente de Operações de Serviços Aéreos. Também respondeu como gerente-técnico de Assessoramento da Superintendência Infraestruturas Aeroportuária da agência. Em 2020, foi cedido ao MInfra para atuar na Secretaria-Executiva da pasta: foi assessor para aviação civil; chefe de gabinete do secretario-executivo e diretor de programas, antes de assumir a chefia de gabinete do Ministro de Estado da Infraestrutura, em maio de 2022.


Mais lidas


Celebramos hoje (12) o Dia Internacional da Enfermagem, data escolhida em homenagem ao aniversário de Florence Nightingale, considerada a pioneira da enfermagem moderna.   Para quem não sabe, a profissão tem origem milenar e data da época em que ser enfermeiro era uma referência a quem cuidava, protegia e nutria pessoas convalescentes, idosos e deficientes. […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais