SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Porto do Itaqui realiza o 1º InovaPortos

Porto do Itaqui realiza o 1º InovaPortos


Fonte: Porto do Itaqui (6 de abril de 2022 )
Foto: Porto do Itaqui

 

O Porto do Itaqui realizou, nesta semana, com apoio da ABEPH – Associação Brasileira de Entidades Portuárias e Hidroviárias e Ministério da Infraestrutura, o InovaPortos, primeiro evento brasileiro de inovação voltado para o setor portuário, com a participação de representantes da Agência Nacional de Transportes Aquaviários, dos Ministérios da Infraestrutura e da Economia, Secretaria Nacional de Portos e Transportes Aquaviários e Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia.

 

“É uma grande honra para nósrealizar o primeiro InovaPortos aqui no Porto do Itaqui, um projeto nosso em parceria com o MINFRA e a ABEPH, e colocar em debate temas como o porto do futuro e novas ideias para o setor. O objetivo é preparar nossos portos para os desafios do presente e debater sobre ações, projetos e propostas que possam levar os portos brasileiros para o futuro”, afirmou o presidente do Itaqui, Ted Lago.

 

Segundo o diretor de Gestão e Modernização Portuária do MINFRA, Otto Burlier, o InovaPortos é “mais um passo para impulsionar a inovação nos portos organizados, potencializar a mudança cultural dentro do setor portuário a partir da inovação contínua”.

 

Foto: Porto do Itaqui

O encontro, em formato híbrido com transmissão ao vivo pelo YouTube, reuniu, no auditório da EMAP – Empresa Maranhense de Administração Portuária, nomes dos setores portuário, da administração pública e das principais empresas especializadas em inovação no Brasil para debater os grandes temas dessa área. A quarta revolução industrial e a transformação digital, Governo Digital, Inovação, Tecnologia e Transformação na agenda ESG e Governança de Inovação no setor portuário, foram alguns dos temas apresentados em talks, painéis, pitches e cases.

 

Participaram das atividades na segunda, dia 4, o professor Gil Giardeli, especialista em cultura digital, web ativista, difusor de conceitos e atividades ligadas à sociedade em rede, colaboração humana, economia criativa e inovação digital; o secretário de Governo Digital do Ministério da Economia, Fernando Coelho – ambos em modo remoto; e ainda o diretor de Gestão e Modernização Portuária no Ministério da Infraestrutura, Otto Burlier, e o superintendente de Inovação da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado do Maranhão, Hermano Reis.

 

O segundo dia de atividades contou com uma rodada de pitches de startups e cases de inovação dos portos de Suape, Açu e Santos. Participaram dos painéis, dentre outros, a CEO da Companhia Docas do Ceará, Mayhara Chaves; o professor Sérgio Cutrim, coordenador do Grupo de Estudos em Logistica, Negócios e Engenharia Portuária; o CEO da CLI, Hélcio Tokeshi; o coordenador de Projetos Especiais da Subsecretaria de Sustentabilidade do MINFRA, George Yun; o consultor sênior da Fundación Valenciaport, Jonas Constante; o gerente de Desenvolvimento de Negócios na Enterprise Singapore; e a gerente de Comunicação da EMAP, Deborah Baesse, membro da Comissão de Inovação do Porto do Itaqui.

 

Foto: Porto do Itaqui

Ao final do encontro, foi anunciada a sede do 2º InovaPortos, no Porto de Santos. Toda a programação foi gravada e será disponibilizada no canal do Porto do Itaqui no YouTube.


Mais lidas


Celebramos hoje (12) o Dia Internacional da Enfermagem, data escolhida em homenagem ao aniversário de Florence Nightingale, considerada a pioneira da enfermagem moderna.   Para quem não sabe, a profissão tem origem milenar e data da época em que ser enfermeiro era uma referência a quem cuidava, protegia e nutria pessoas convalescentes, idosos e deficientes. […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais