SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   XXVIII CooperaPortos vai tratar dos novos desafios do setor e da questão ambiental

XXVIII CooperaPortos vai tratar dos novos desafios do setor e da questão ambiental


Fonte: ANTAQ (25 de março de 2022 )

A ANTAQ e a Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap-Porto do Itaqui) realizarão, nos dias 28 e 29 de março, o XXVIII CooperaPortos. O tema desta primeira reunião do grupo será para tratar dos “Novos Desafios ao Setor Portuário”.

 

O objetivo do Encontro é promover o diálogo entre os diversos atores da gestão portuária, possibilitando o debate e a busca de soluções para a atuação dos portos frente aos desafios de sua operação, bem como a troca de experiência e de difusão de boas práticas, além do diálogo interinstitucional.

 

Nesta edição serão discutidos temas como a adaptação dos setores portuário e marítimo a mudanças climáticas, bem como as novas legislações ambientais, entre elas o decreto de promulgação da convenção internacional de controle e gerenciamento de água lastro e o decreto que instituiu o novo Plano Nacional de Contingência para acidentes com óleo em águas brasileiras.

 

A reunião acontecerá virtualmente por meio da plataforma Zoom. A abertura oficial ocorrerá a partir das 14h e contará com as presenças do diretor substituto da Agência, José Renato Fialho, e do presidente da Emap, Ted Lago.

 


Mais lidas


Celebramos hoje (12) o Dia Internacional da Enfermagem, data escolhida em homenagem ao aniversário de Florence Nightingale, considerada a pioneira da enfermagem moderna.   Para quem não sabe, a profissão tem origem milenar e data da época em que ser enfermeiro era uma referência a quem cuidava, protegia e nutria pessoas convalescentes, idosos e deficientes. […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais