SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Portos RS projetam ‘cenário desafiador’ na importação de insumos russos para fertilizantes em razão da guerra na Ucrânia

Portos RS projetam ‘cenário desafiador’ na importação de insumos russos para fertilizantes em razão da guerra na Ucrânia


Fonte: G1 (3 de março de 2022 )
Portos de RS projeta dificuldades com importação de insumos devido à guerra na Ucrânia — Foto: Reprodução/RBS TV

 

A autoridade portuária responsável pela administração do terminal de Rio Grande, no Sul do Rio Grande do Sul, se reuniu, nesta quarta-feira (2), com produtores de fertilizantes para tratar dos possíveis impactos da guerra entre Rússia e Ucrânia no setor. Isso porque, segundo a Superintendência da Portos RS, cerca de 30% dos insumos importados pelo estado são russos.

 

O superintendente Fernando Estima trata o cenário como “preocupante e desafiador” para os próximos meses, mas ainda não projeta desabastecimento.

 

“Eu me atrevo a dizer que até maio, junho, já existem meios que nos indicam que o mercado estará atendido. […] O cenário é que a gente vai precisar no minimo 90 dias para poder começar a chegar uma fase de desabastecimento”, afirma.

 

Os impactos de uma eventual falta de fertilizantes devem atingir a produção de soja, principal exportação do Brasil. Décio Teixeira, presidente da Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja) no RS, diz que, sem os fertilizantes, a produção, o faturamento e, consequentemente, o produto interno bruto (PIB) do Brasil irão cair.

 

“Vamos ter uma redução de produção por falta de produto, isso é lógico. Eles vão atingir o calcanhar de aquiles do Brasil, que é a grande produção primária”, avalia.

 

Até sexta-feira (4), a Associação Brasileira de Fertilizantes deverá reunir informações dos impactos e apresentar um diagnóstico do mercado. O setor já monitora alternativas para suprir a demanda caso a crise se aprofunde. Para isso, os importadores deverão analisar os riscos para acomodar a logística e os prazos necessários de cada safra.

 

“Nós estamos tentando mediar agora essa questão, se tem produto para abastecer de outros lugares, como é o caso do Canadá, que tem uma produção importante de alguns insumos para fertilizantes”, analisa Estima.


Mais lidas


Celebramos hoje (12) o Dia Internacional da Enfermagem, data escolhida em homenagem ao aniversário de Florence Nightingale, considerada a pioneira da enfermagem moderna.   Para quem não sabe, a profissão tem origem milenar e data da época em que ser enfermeiro era uma referência a quem cuidava, protegia e nutria pessoas convalescentes, idosos e deficientes. […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais