SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Dragagem   /   Após 10 anos, Porto do Recife inicia obra de dragagem que vai permitir atracar navios maiores em seus cais

Após 10 anos, Porto do Recife inicia obra de dragagem que vai permitir atracar navios maiores em seus cais


Fonte: UOL (27 de janeiro de 2022 )
Draga holandesa Van Oord atracou no Porto do Recife para realizar serviços de dragagem – Foto: Divulgação / UOL

 

Foi preciso esperar uma década e atravessar três governos (Dilma Rousseff, Michel Temer e Jair Bolsonaro) para destravar a obra de deagagem do Porto do Recife. Foram muitas idas e vindas a Brasília, peregrinando por diferentes ministérios, para garantir um recurso de R$ 28,3 milhões (valor longe do aplicado em grandes obras de infraestrutura). Sete meses após o lançamento da licitação, em junho de 2021, a draga holandesa Van Oord atracou no Recife no dia 20 e iniciou os trabalhos no sábado (22). Diferente do tempo que durou para negociar os recursos, a conclusão da dragagem será rápida, com previsão de execução em 40 dias.

 

O objetivo da dragagem é desobstruir os cais, que estão assoreados, para permitir a atracação de navios maiores. Sem a realização da obra nos últimos 10 anos, a Marinha do Brasil foi pouco a pouco limitando o tamanho das embarcações que podem atracar. Hoje o porto só pode receber navios de até 32 mil toneladas e depois da obra terá capacidade para 45 mil toneladas. Uma das vantagens, por exemplo será o aumento das cargas de cevada para atender ao polo cervejeiro de Pernambuco, que vem sendo em parte abastecido pelo Porto de Cabedelo, na Paraíba.

 

A draga Van Oord vai desobstruir os cais do 00 ao 09. Do berço 00 ao 01, será aprofundado para 10 metros de profundidade; do berço 02 ao 06 para 11 metros de profundidade; e do trecho do berço 07 ao 09 para os 8 metros de profundidade. Os trechos mencionados chegarão às profundidades máximas, na maré alta, de 12,70 m, 13,70 m e 10,7 m respectivamente. A expectativa é que sejam retirados 832.200 mil metros cúbicos de sedimentos dragados do cais, canal interno e bacia de evolução.

 


Mais lidas


Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais