SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Operações   /   ANATC é a mais nova mantenedora do Instituto Brasil Logística

ANATC é a mais nova mantenedora do Instituto Brasil Logística


Fonte: Instituto Brasil Logística (13 de janeiro de 2022 )

Associação Nacional das Empresas Agenciadoras de Transportes de Carga representa mais de 12 mil profissionais, reúne uma frota de 5 mil caminhões e possui um faturamento de R$ 12 bi por ano.

 

A Associação Nacional das Empresas Agenciadoras de Transportes de Carga (ANATC) é a mais nova mantenedora do Instituto Brasil Logística. A entidade é sediada na cidade mato-grossense de Rondonópolis, e reúne mais de 12 mil profissionais e 5 mil caminhões em todo o Brasil. O acordo foi fechado em janeiro.

 

A ANATC é uma grande parceira do setor produtivo nacional. Mais de 90% das operações de seus associados se concentram no agronegócio, e atua principalmente no modelo de subcontratação de motoristas. Para atender as especificidades e sazonalidades da produção agrícola, o modelo de agenciamento de transporte de cargas é considerado o mais adequado para atender a demanda. Dessa forma, os caminhoneiros associados são direcionados para atender diferentes clientes, rotas e destinos de acordo com a safra atual.

 

“Os agenciadores de frete formam um elo entre os produtores agrícolas, os compradores e os motoristas que realizam o frete. Para realizar uma logística eficiente, as empresas identificam caminhões migrantes e oferecem preços de frete mais adequados a produtores e embarcadores”, explica Carley Welter, gerente executivo da ANATC.

 

Tiago Lima, vice-presidente do Instituto Brasil Logística, comemorou a chegada da associação e destacou que a ANATC vai qualificar ainda mais a atuação do IBL na busca por uma infraestrutura nacional robusta.

 

“O IBL é o braço técnico da Frente Parlamentar Mista de Logística e Infraestrutura do Congresso Nacional. Para nós, a participação da ANATC fortalece ainda mais a atuação do instituto na busca por uma infraestrutura logística eficiente, integrada, moderna e que privilegie as características específicas de todos os modais de transporte do Brasil. A ANATC vai contribuir muito para a desburocratização e desenvolvimento do setor”, celebra Tiago Lima.

 

A adesão da ANATC ao Instituto Brasil Logística será oficializada na próxima reunião do Conselho do IBL, em data ainda a ser confirmada. O Instituto reforça o seu compromisso de atuar em prol do crescimento do país, do fomento à competitividade modal e na modernização da legislação vigente.

 

Fonte: Rafael Oliveira, analista legislativo e de comunicação do Instituto Brasil Logística.


Mais lidas


Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais