SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Ministro projeta investimento privado de R$ 150 bilhões em novas linhas ferroviárias no país

Ministro projeta investimento privado de R$ 150 bilhões em novas linhas ferroviárias no país


Fonte: MInfra (30 de novembro de 2021 )
Ministro participou de debate sobre o Pro Trilhos em Anápolis (GO) – Crédito: Ricardo Botelho

 

A possibilidade de empresas privadas investirem diretamente na criação e na operação de novas linhas férreas pelo instrumento da autorização deve gerar um investimento de R$ 150 bilhões nos próximos anos, projetou nesta segunda-feira (29) o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. Junto com o diretor-presidente da Valec, André Kuhn, ele participou de um debate sobre o Marco Legal das Ferrovias e o programa Pro Trilhos em Anápolis (GO).

 

“Em muito pouco tempo, vamos chegar a R$ 150 bilhões em investimento privado em ferrovias. Isso é muito? Bom, o orçamento do MInfra é de R$ 6,5 bilhões”, disse o ministro, comparando o valor disponível que o Ministério da Infraestrutura tem para investir anualmente e a quantidade de projetos esperada pelo Governo Federal.

 

Até o momento, são 24 pedidos de novas linhas férreas encaminhados pela iniciativa privada, com previsão é de 7.590,69 quilômetros de ferrovias e investimentos na ordem de R$ 100,92 bilhões. Outros três projetos estão em fase inicial, de conferência de documentação pela equipe da SNTT: quando devidamente formalizadas, eles podem elevar a projeção de investimentos para R$ 117 bilhões. Também tem a expectativa de que sejam criados 2 milhões de postos de trabalho diretos e indiretos, além da diminuição do custo de transporte, da emissão de CO2 e a modernização da malha ferroviária nacional.

 

“Aquela história de país eficiente só da porta para dentro, e não da porta para fora, ficará no passado”, acrescentou Tarcísio. A meta do Governo Federal para o setor de infraestrutura de transportes é fechar 2022 com mais de R$ 300 bilhões em investimentos contratados.

 

Assessoria Especial de Comunicação
Ministério da Infraestrutura


Mais lidas


Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais