SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   CEO da Maersk sugere proibição de navios movidos a combustíveis fosseis até 2035

CEO da Maersk sugere proibição de navios movidos a combustíveis fosseis até 2035


Fonte: Informativo dos Portos (14 de setembro de 2021 )
Foto: Informativo dos Portos

 

O CEO da Maersk, Søren Skou, apelou por meio do Linkedin, na sexta-feira (10), a eliminação de todos os navios movidos a combustíveis fósseis até meados da próxima década. A mensagem foi dirigida aos reguladores marítimos.

 

A Maersk é a maior empresa de contêineres do mundo e encomendou, nos últimos meses, os primeiros porta-contêineres movidos a metanol verde do mundo, com combustível duplo. Em dezembro de 2018, a empresa apareceu como a primeira grande empresa de navegação a se comprometer a ser neutra em carbono até 2050.

 

Skou sugeriu que tanto um imposto global sobre o carbono quanto uma data final para navios movidos a combustíveis fósseis enviariam um forte sinal ao ecossistema de navegação, incluindo estaleiros e produtores de combustível. Ele é a favor de um imposto sobre o carbono de até US$ 450 por tonelada de combustível.

 

O executivo sugeriu que os embarques deveriam seguir o caminho traçado para o setor automotivo na Europa. A Comissão Europeia propõe o fim da produção de carros com motor de combustão em 2035. “A Organização Marítima Internacional deve fazer o mesmo para navios movidos a combustíveis fósseis”, escreveu Skou na rede social.


Mais lidas


  Na manhã desta quarta-feira (18), o Sopesp (Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo) recebeu em sua sede a visita do desembargador federal, Celso Ricardo Peel Furtado, do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.   O magistrado foi recebido com um café da manhã pelo presidente da entidade, Régis Prunzel, acompanhado […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais