SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Governo do Paraná recebe comitiva federal para acompanhar os estudos do projeto Nova Ferroeste

Governo do Paraná recebe comitiva federal para acompanhar os estudos do projeto Nova Ferroeste


Fonte: PPI - Programa de Parcerias de Investimentos (13 de setembro de 2021 )
Foto: PPI – Programa de Parcerias de Investimentos

 

Os representantes do Grupo de Trabalho do Plano Estadual Ferroviário e do Governo do Paraná receberam a comitiva federal formada pelo PPI, do Ministério da Economia, e do Ministério da Infraestrutura para participar de reuniões e visitas técnicas sobre a Nova Ferroeste.

 

A visita aconteceu entre os dias 09 e 10 de setembro de 2021 e contou com a participação da Secretária Especial Martha Seillier,  do Secretário de Parcerias em Transporte do PPI Leonardo Maciel, da Secretária de Fomento, Planejamento e Parcerias do Ministério da Infraestrutura, Natália Marcassa, e do Secretário Nacional de Transportes Terrestres do Ministério da Infraestrutura, Marcello da Costa Vieira.

 

O projeto da Ferroeste foi qualificado no PPI por meio do Decreto nº 10.487, de 15/09/2020, com objetivo de auxiliar o Governo do Estado no processo de desestatização da ferrovia.

 

A Secretária Especial do Programa de Parceria de Investimentos, Marta Seillier destacou a importância da execução de novos investimentos ferroviários.

 

“Desenvolver mais ferrovias para escoar a nossa produção significa reduzir o custo de frete e aumentar a competitividade. Nosso país ainda é muito dependente do transporte rodoviário. Por isso, temos que trazer viabilidade em termos de receita para que a nova ferrovia se torne uma realidade e gere muitos empregos para a região”, afirmou a Secretária.

 

Já o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, considerou que a estimativa do estudo chegue a 38 milhões de toneladas no primeiro ano de operação. “Com os investimentos projetados com as licitações de áreas e o projeto do Moegão, o Porto de Paranaguá terá condição plena de atender toda a demanda projetada pela Nova Ferroeste”, afirmou Luiz Garcia.

 

Na reunião, liderada pelo Comitê de Governança do projeto, foram apresentados os resultados preliminares do Estudo de Viabilidade Técnico-Operacional, Econômico-Financeira, Ambiental e Jurídico (EVTEA-J) e do Estudo de Impacto Ambiental (EIA-RIMA).

 

O projeto de viabilidade técnica analisa a demanda existente e avalia a melhor alternativa de traçado para a ferrovia. Avalia-se a expansão da ferrovia, com a ligação entre Maracaju, no Mato Grosso do Sul, ao Porto de Paranaguá, ampliando e modernizando o trecho já existente entre Cascavel e Guarapuava, podendo chegar a um total de 1.304 quilômetros de extensão.

 

Já o Estudo de Impacto Ambiental (EIA-RIMA) mostra que a ferrovia cria alternativas para um mínimo de impacto nas regiões alcançadas pelo projeto.

 

No segundo dia, a comitiva sobrevoou a região da Serra do Mar, onde está em avaliação a implementação de um dos trechos da ferrovia.

 

Saiba mais sobre o projeto


Mais lidas


  Na manhã desta quarta-feira (18), o Sopesp (Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo) recebeu em sua sede a visita do desembargador federal, Celso Ricardo Peel Furtado, do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.   O magistrado foi recebido com um café da manhã pelo presidente da entidade, Régis Prunzel, acompanhado […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais