SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Nova bacia de evolução de Itajaí e Navegantes completa 600 manobras

Nova bacia de evolução de Itajaí e Navegantes completa 600 manobras


Fonte: Portos e Navios (3 de setembro de 2021 )

Nessa quarta-feira (1), o complexo portuário de Itajaí e Navegantes atingiu a marca de 600 giros na área da nova bacia de evolução. A 600ª manobra foi registrada com o navio de bandeira portuguesa MSC Michela, de 299,90 metros de comprimento por 48,20 de largura. Sua atracação ocorreu no terminal da Portonave (berço 02), e sua desatracação aconteceu na tarde desta quinta-feira.

 

Em 2019, a primeira fase do projeto de ampliação do acesso aquaviário para o Complexo Portuário de Itajaí e Navegantes foi realizada, possibilitando a chegada de navios de até 350 metros. Antes da conclusão da primeira etapa da bacia de evolução, era necessário ter o berço livre nos dois lados do complexo para que o giro fosse realizado, dificultando na agilidade dos processos necessários.

 

“Realmente é uma grande satisfação para a autoridade portuária de Itajaí, completar este número tão significativo de 600 manobras realizadas na nova bacia de evolução. Esse crescimento que está se consolidando, possibilitou atingir o recorde brasileiro de recebimento do maior navio de contêineres em 17 de junho do ano passado, o APL Paris (347,04 x 45,27). Esse projeto também garantiu que o nosso porto permanecesse viável no mercado, aumentando sua produtividade e alcançando resultados de quase uma década de planejamento”, pontua Fábio da Veiga, superintendente do Porto de Itajaí.

 

“Os parâmetros de manobras estabelecidos com a nova bacia de evolução tem refletido no aumento de movimentação, elevando o padrão de eficiência em todo o complexo. Sob essa perspectiva, alcançar a marca de 600 manobras tem uma conotação estratégica e demonstra sustentabilidade do investimento realizado, ampliando a nossa vantagem competitiva”, destaca Osmari de Castilho Ribas, diretor superintendente administrativo da Portonave.

 

A segunda etapa da bacia de evolução está projetada para receber navios de até 400 metros de comprimento por 60 de boca. A primeira etapa para a continuidade da segunda fase do projeto é o alinhamento junto aos órgãos ambientais.


Mais lidas


  Na manhã desta quarta-feira (18), o Sopesp (Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo) recebeu em sua sede a visita do desembargador federal, Celso Ricardo Peel Furtado, do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.   O magistrado foi recebido com um café da manhã pelo presidente da entidade, Régis Prunzel, acompanhado […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais