SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Clima afetou desempenho da agropecuária no 2º trimestre de 2021

Clima afetou desempenho da agropecuária no 2º trimestre de 2021


Fonte: Grupo Cultivar (3 de setembro de 2021 )
Setor registrou queda de 2,8% no 2º trimestre deste ano em relação aos três meses anteriores de 2021. – Foto: Wenderson Araujo/CNA

 

A questão climática afetou o desempenho da agropecuária e impediu melhores resultados do setor no 2º trimestre deste ano, segundo análise da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

 

A entidade divulgou Comunicado Técnico para avaliar o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) do período, divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O setor registrou queda de 2,8% no 2º trimestre deste ano em relação aos três meses anteriores de 2021.

 

“O resultado da safra de grãos abaixo da safra anterior impediu melhores desempenhos da agropecuária até o momento. A seca afetou fortemente a produção agrícola e pecuária, limitando maiores avanços no PIB do setor”, disse a CNA.

 

Na avaliação da entidade, o terceiro trimestre de 2021 deverá contar com a entrada das safras de grãos de inverno, o que deverá trazer bons resultados para a economia. Já a pecuária segue atendendo as demandas domésticas e internacionais, com preços elevados, completa a Confederação.

 

Contudo, a questão das geadas preocupa para o terceiro trimestre e pode frear o resultado esperado, alerta a CNA.

 

“As baixas temperaturas que acometeram as regiões Sul e Sudeste nos últimos meses devem prejudicar o desempenho do PIB da agropecuária no próximo trimestre. As pastagens passaram pela seca, e quando houve certa recuperação, geadas acometeram os pastos, prejudicando ainda mais a situação no setor”, ressalta o Comunicado Técnico.

 

Segundo cálculos da CNA, a participação da agropecuária no PIB nacional foi de 6,9% no segundo trimestre de 2021, desempenho 0,2 p.p. abaixo do trimestre anterior, atribuído às ocorrências climáticas.

 

A estimativa para 2021, no entanto, é de que o setor agropecuário deverá ganhar participação no PIB do Brasil, podendo atingir até quase 8% do total produzido.

 

Apesar da queda no 2º trimestre na comparação com o 1º trimestre, a agropecuária apresentou expansão de 1,3% frente ao 2º trimestre de 2020. No acumulado de seis meses, o crescimento é de 3,3% ante o mesmo período do ano passado.

 

Sobre o resultado do PIB geral, a economia do país cresceu 12,4% nos meses de abril, maio e junho de 2021 na comparação com o mesmo período do ano passado, mostrando que “o país luta fortemente para recuperar a economia. A agropecuária continuou entregando bons resultados, auxiliando no desempenho da economia brasileira”.


Mais lidas


  Na manhã desta quarta-feira (18), o Sopesp (Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo) recebeu em sua sede a visita do desembargador federal, Celso Ricardo Peel Furtado, do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.   O magistrado foi recebido com um café da manhã pelo presidente da entidade, Régis Prunzel, acompanhado […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais