SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Brasil prosseguindo com venda de concessões portuárias para estimular investimentos

Brasil prosseguindo com venda de concessões portuárias para estimular investimentos


Fonte: Maritime Executive (16 de agosto de 2021 )

O Brasil continua avançando com seus planos de privatizar as operações da maior infraestrutura do país, incluindo portos e muitos dos terminais. Na última rodada de leilões, o governo federal informou em 13 de agosto ter recebido licitações de aproximadamente US $ 7,5 milhões para a concessão de três portos na região norte, enquanto o Ministério da Infraestrutura e a Agência Nacional de Transportes Aquaviários assinaram contratos para cinco terminais portuários em o sul oferecido em leilão em abril.  

 

A estratégia visa atrair empresas para participarem da melhoria da infraestrutura do Brasil, incluindo portos, ferrovias, aeroportos e rodovias. A esperança é que, ao oferecer concessões nas quais as empresas pagam ao governo uma taxa para operar as instalações e se comprometem com grandes investimentos para melhorar a infraestrutura, o Brasil estimula sua economia atrasada. O Financial Times informou que o Brasil poderia garantir mais de US $ 50 bilhões em compromissos para 100 projetos de infraestrutura até o final de 2022.

 

Os leilões realizados na semana passada incluíram os portos de Santana e Fortaleza e também um dos prêmios, o maior porto de Salvador, que é a capital baiana no norte do Brasil. A licitação de Salvador foi acaloradamente contestada entre três empresas, fazendo com que a vencedora, a Intermaritima Portos, triplicasse sua oferta vencedora para mais de US $ 6 milhões pela concessão de 25 anos, bem como o compromisso de investir outros US $ 3,5 milhões nas operações. O porto de contêineres e cargas de Salvador movimenta mais de 840.000 toneladas de carga anualmente.

 

O porto de Santana, que atende ao comércio agrícola com exportação de hortaliças, grãos e soja, recebeu um lance único da Caramuru Alimentos no valor mínimo de R $ 1,1 milhão. A operadora se comprometeu com melhorias significativas avaliadas em quase US $ 8 milhões. Da mesma forma, o porto de Fortaleza atraiu uma oferta de menos de US $ 200.000, mas com a promessa de investir US $ 9 milhões durante a vigência da concessão.

 

“Temos que comemorar essa nova conquista”, disse o ministro da Infraestrutura, Tarcisio Gomes de Freitas.

 

“Hoje concluímos 74 leilões de concessões de infraestrutura nesses dois anos e meio e já garantimos 80 bilhões de reais (cerca de US $ 15 milhões) nos investimentos dos vencedores. ”

 

O governo federal também na sexta-feira, 13 de agosto, assinou contratos para cinco terminais portuários para os quais havia realizado leilões em abril de 2021. Isso incluía quatro terminais líquidos terrestres em Itaqui usados ??para armazenamento de derivados de petróleo e o porto costeiro sul de Pelotas, que é o único porto da região que manuseia produtos madeireiros e de celulose. Os contratos somam cerca de US $ 115 milhões em investimentos para os portos.

 

A última rodada de concessões de infraestrutura portuária foi concedida, já que a Agência Nacional de Transportes Aquaviários relatou um crescimento superior a nove por cento nos volumes de carga nos portos brasileiros nos primeiros seis meses de 2021. Eles disseram que um total de 591 milhões de toneladas de carga foram movimentadas, citando o maior crescimento em minério de ferro e petróleo. A agência previu que os volumes continuariam a crescer no segundo semestre do ano para mais de 626 milhões de toneladas, com uma estimativa de mais de 1,2 bilhão de toneladas para todo o ano de 2021. Isso representaria um crescimento de 5,5% para os portos em relação ao ano anterior.


Mais lidas


  Na manhã desta quarta-feira (18), o Sopesp (Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo) recebeu em sua sede a visita do desembargador federal, Celso Ricardo Peel Furtado, do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.   O magistrado foi recebido com um café da manhã pelo presidente da entidade, Régis Prunzel, acompanhado […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais