SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   CMA CGM quer reconstruir o porto de Beirute

CMA CGM quer reconstruir o porto de Beirute


Fonte: Portos e Mercados (12 de abril de 2021 )
A CMA CGM é controlada pela família franco-libanesa Saade e o grupo se juntou ao presidente francês Emmanuel Macron nos esforços de socorro em Beirute após a explosão no verão passado.

 

O grupo francês de transporte de contêineres CMA CGM está buscando um plano para reconstruir o Porto de Beirute dentro de três anos, apesar do impasse político no Líbano que impediu decisões sobre o porto desde a explosão em agosto passado.

 

Uma explosão química no porto matou 200 pessoas e destruiu bairros inteiros, aprofundando a pior crise política e econômica do Líbano desde a guerra civil de 1975-1990.

 

O plano da CMA CGM, delineado pela primeira vez às autoridades libanesas em setembro, prevê a reconstrução de docas e armazéns danificados, juntamente com a expansão do porto e digitalização, a um custo total estimado em US$ 400 milhões a US$ 600 milhões.

 

A CMA CGM é controlada pela família franco-libanesa Saade e o grupo se juntou ao presidente francês Emmanuel Macron nos esforços de socorro em Beirute após a explosão no verão passado.

 

Além de devastar a seção a granel do porto de Beirute, a explosão do ano passado destruiu equipamentos no terminal de contêineres. Isso dobrou o tempo de espera dos navios.

 

A CMA CGM é a operadora de navegação líder no Porto de Beirute, respondendo por 60% dos volumes, e é candidata, em parceria com a MSC, com sede na Suíça, para a concessão do terminal de contêineres.
Especula-se que um processo de licitação para operar o terminal de contêineres, retido pela crise política, será relançado em duas semanas.


Mais lidas


Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais