SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   A CETESB e a conscientização das mudanças climáticas

A CETESB e a conscientização das mudanças climáticas


Fonte: CETESB (17 de março de 2021 )

Em 2011, foi instituído o Dia Nacional de Conscientização sobre as Mudanças Climáticas, comemorado anualmente em 16 de março. A data busca chamar a atenção da população sobre as alterações do clima no planeta. Mudanças causadas, em parte, pela emissão de gases de efeito estufa – GEE.

 

A CETESB, desde 1995, coordena o Programa Estadual de Mudanças Climáticas – PROCLIMA, com ações relevantes que permitam a redução dos GEE, em especial, os gerados por resíduos.

 

Em 2019, foi firmado, pelo Governo do Estado com coordenação da CETESB, o Acordo Ambiental São Paulo que objetiva incentivar empresas paulistas a assumirem compromissos voluntários de redução de emissão de gases de efeito estufa, a fim de conter o aquecimento global abaixo de 1,5°C.

 

Compromisso assumido na COP25 – 25ª Conferência das Partes das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, realizada em Madri, Espanha, na qual esteve presente a diretora-presidente da CETESB, Patrícia Iglecias.

 

“Atualmente, o Acordo Ambiental SP conta com 201 aderentes voluntários, engajados na implementação de novas tecnologias e soluções inovadoras, realçando o protagonismo do Estado na agenda climática”, salienta Patrícia Iglecias.

 

Paralelamente ao Acordo SP, em novembro de 2019, foi criada a Câmara Ambiental de Mudanças Climáticas – CAMC, no intuito de, em conjunto com entidades e empresas, definir o relato das emissões e esclarecer demais dúvidas técnicas que possam ser suscitadas pelas partes do Acordo.

 

Neste ano, está em vias de apreciação pela Diretoria da CETESB, a “Nota Técnica sobre Quantificação e Relato de Emissões de Gases de Efeito Estufa para o Acordo Ambiental São Paulo”, produzida pela CAMC e seus grupos de trabalho.

 

Apesar do período de pandemia da COVID, a CAMC realizou 10 reuniões online de 5 subgrupos trabalho, compostos por 17 profissionais de 7 organizações, nas quais foram validados 70 casos de sucesso para redução de gases de efeito estufa e/ou melhorias ambientais, com a posterior publicação.

 

A Câmara, no momento, está envolvida na produção e validação de outros textos complementares para orientar os aderentes a enviarem as informações de suas emissões e reduções de GEE para o Acordo.

 

Nas palavras de Josilene Ferrer, assessora da presidência, “essa é uma iniciativa pioneira, que agrega empresas e organizações com vários níveis de expertise nessa agenda.”

 

“A publicação da Nota Técnica, que visa orientar o envio de informações sobre gases de efeito estufa para o Acordo Ambiental São Paulo, é um produto do trabalho que tem sido desenvolvido pela Câmara”, complementa Patrícia Iglecias.

 

Para Patrícia Iglecias, tanto o Acordo Ambiental São Paulo como a instituição da Câmara Ambiental de Mudanças Climáticas são motivos de muito orgulho para a equipe da CETESB.

 

“Nós temos procurado trabalhar em cooperação com outros governos estaduais, municipais, com o setor privado e com a sociedade civil, de forma a ampliar e fortalecer as ações de mitigação e adaptação às mudanças climáticas, no Estado de São Paulo”.


Mais lidas


Os dados divulgados pela Autoridade Portuária de Santos (APS), em seu balanço operacional de março, apontam um recorde histórico na movimentação de cargas. Foram mais de 15,16 milhões de toneladas que passaram pelos terminais do Porto de Santos, um crescimento de 10,4% comparado com a marca histórica anterior, conquistada em agosto de 2020.   O […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais