SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Auxílio emergencial varia entre R$ 150 e R$ 375 e deve começar em abril, segundo Guedes

Auxílio emergencial varia entre R$ 150 e R$ 375 e deve começar em abril, segundo Guedes


Fonte: Valor Investe (15 de março de 2021 )
Segundo ele, o Ministério da Cidadania está formulando o programa para que o benefício varie de R$ 150 a R$ 375 – Foto: Pablo Jacob/Agência O Globo

 

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou há pouco que o governo está trabalhando para começar a pagar o auxílio emergencial ainda em março, mas admite possivelmente poderá sair só em abril.

Segundo ele, o Ministério da Cidadania está formulando o programa para que o benefício varie de R$ 150 a R$ 375, dependendo da composição familiar. Cidadania tem tudo formulado, na segunda-feira é promulgado na mesma hora começa fase de execução”, frisou.

 

Ministro reforçou o discurso de que é falsa narrativa dizer que sua pasta é contra o auxílio emergencial. “Para que não a acreditem na falsa narrativa que Economia está contra auxílio emergencial”, disse. Segundo ele, sem a PEC Emergencial e a trava de gasto com o auxílio de R$ 44 bilhões, a inflação subiria de forma generalizada e, com o aumento de juros decorrente, o Brasil entraria em colapso fiscal.

 

INSS
Guedes disse também que a antecipação do 13º salário dos aposentados e pensionistas depende da aprovação do orçamento deste ano pelo Congresso Nacional para que seja colocada em prática. Segundo ele, a proposta já está no Palácio do Planalto.

 

Ele lembrou que o abono salarial já foi antecipado e os trabalhadores já estão recebendo os recursos. Essa medida só dependia de aprovação do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

 

Segundo ele, não era possível o governo começar a fazer o pagamento do auxílio emergencial antes da aprovação da PEC Emergencial. Segundo ele, o Ministério da Cidadania está fazendo a calibragem para que o pagamento do benefício fique dentro dos R$ 44 bilhões, trava colocada na PEC Emergencial para o benefício, sem contabilização no teto de gasto.


Mais lidas


Os dados divulgados pela Autoridade Portuária de Santos (APS), em seu balanço operacional de março, apontam um recorde histórico na movimentação de cargas. Foram mais de 15,16 milhões de toneladas que passaram pelos terminais do Porto de Santos, um crescimento de 10,4% comparado com a marca histórica anterior, conquistada em agosto de 2020.   O […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais