SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   CETESB apresenta seus indicadores 2020

CETESB apresenta seus indicadores 2020


Fonte: CETESB (15 de janeiro de 2021 )
Companhia teve uma redução de gastos, na ordem de 4,5 milhões, e viabilizou 5,3 bilhões de investimentos com análises de licenciamentos de grande porte.

 

O ano de 2020, foi um período produtivo para CETESB – Companhia Ambiental do Estado de São Paulo. Mesmo com a quarentena, decretada em função da pandemia causada pelo Sars-cov 2, muito se fez pelo desenvolvimento ambiental do Estado.

 

Foi o segundo melhor período na história da Companhia com relação ao licenciamento ambiental. O primeiro aconteceu em 2019. Foram concedidas 197 licenças com avaliação de impacto, que viabilizaram investimentos na ordem de 5,3 bilhões de reais.

 

O ano foi finalizado com o atendimento a 53.029 solicitações de licenças de operação, número que corresponde a um aumento de 18,9% de produtividade comparado à gestão anterior – 2015/2018, com uma média, por dia útil, de 202 solicitações de licenciamento atendidas.

 

Áreas Contaminadas

Em 2020, foram emitidos 406 pareceres técnicos para reutilização de áreas contaminadas, com 218 termos de reabilitação concedidos.

 

Qualidade Ambiental

A Companhia realizou uma vigilância ambiental do Sars-cov 2 em amostras de esgoto bruto, córregos e águas superficiais, na Grande São Paulo.

 

O monitoramento da qualidade do ar foi ininterrupto, assim como o de águas superficiais, por intermédio das redes automáticas.

 

Foram inauguradas novas instalações, em sede própria, dos laboratórios das cidades de Campinas e Sorocaba.

 

Um novo aplicativo para o monitoramento da qualidade do ar no Estado foi disponibilizado.

 

Gestão Corporativa

A Companhia teve uma economia de 4,5 milhões de reais com redução de custos operacionais e renegociação de contratos, a fim de mitigar os impactos da pandemia.

 

Num esforço conjunto do corpo funcional, foram reduzidas 47% das horas extras e 12% do sobreaviso/plantão a distância.

 

Uma contratação de “transporte” por aplicativo diminuiu a frota da Companhia.

 

Os números comprovam que a CETESB, mesmo em tempos imprevisíveis, manteve os seus compromissos com a proteção do meio ambiente e sustentabilidade. A qualidade de vida da população foi assegurada.

 

Acesse os indicadores 2020


Mais lidas


    A desestatização do Porto de Santos deve ser concluída até o fim de 2022, de acordo com o secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários no Ministério da Infraestrutura, Diogo Piloni, durante o III Congresso de Direito Marítimo e Portuário. De acordo com ele, a consulta pública deve ser aberta até o fim […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais