SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Proposta entregue ao Ministério da Infraestrutura prevê investimento de R$ 3,6 bilhões para novo porto em Natal

Proposta entregue ao Ministério da Infraestrutura prevê investimento de R$ 3,6 bilhões para novo porto em Natal


Fonte: Agência Porto (21 de dezembro de 2020 )

Uma proposta entregue ao Ministério da Infraestrutura prevê R$ 3,6 bilhões em investimentos para implantação de um novo terminal portuário em Natal e a adaptação do atual porto da capital ao custo de R$ 3,6 bilhões. De acordo com a proposta, os investimentos são de longo prazo e poderiam ser realizados por etapas.

 

O projeto defende a construção de um terminal na margem esquerda do Rio Potengi, em frente ao porto atual, além da construção de corredores logísticos, uma terceira ponte sobre o rio, recuperação da área degradada de mangue, entre outros investimentos em infraestrutura logística – como um ramal ferroviário, entre o porto, o aeroporto e Zona de Processamento de Exportações. Juntos, os investimentos chegariam a quase R$ 7 bilhões.

 

A proposta foi elaborada pelo Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (Cerne) em parceria com uma consultoria italiana e escritórios brasileiros. O esboço do novo porto deverá ser analisado pelo governo federal, para ser considerada a possibilidade do investimento ou de uma parceria com a iniciativa privada.

 

O novo porto seria instalado em uma área de aproximadamente 9,0 km², localizada na margem esquerda do rio Potengi, em frente ao atual Porto de Natal, com 1000 metros de cais acostável linear e retro área de 1km², aproveitando o canal de acesso e a bacia de evolução (espaço para manobra dos navios) existentes.

 

Conforme a proposta, a estrutura prevista para para o novo porto teria três pátios para contêineres, sendo um para vazios, um para importação e outro para exportação, pátios destinados à movimentação de granéis sólidos (minério de ferro, feldspato, calcário, caulim etc.) com esteiras transportadoras acopladas a carregadores de navio. Também seriam construídos pátio de tancagem de combustíveis e produtos químicos com capacidade para 80.000,0m³; além de todas as infraestruturas logísticas necessárias.

 

Propostas de investimento

Novo Terminal Portuário da Grande Natal, porto seco (ZPE) e adaptação do Porto de Natal

– Tempo de Execução: 3 anos e 4 meses

– Investimento Estimado: R$ 3,6 bilhões

 

Corredor Logístico (integração rodoviária), Terceira Ponte e Parque Urbano Ecológico

– Tempo de Execução: 3 anos e 8 meses

– Investimento Estimado: R$ 580 milhões

 

Ramal Ferroviário (Natal-Assu-Macau-Mossoró-Jucurutu-Caicó)

– Tempo de Execução: 4 anos e 9 meses

– Investimento Estimado: R$ 2,8 bilhões


Mais lidas


    A desestatização do Porto de Santos deve ser concluída até o fim de 2022, de acordo com o secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários no Ministério da Infraestrutura, Diogo Piloni, durante o III Congresso de Direito Marítimo e Portuário. De acordo com ele, a consulta pública deve ser aberta até o fim […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais