SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Guarujá amplia horário de funcionamento de atividades comerciais na fase amarela

Guarujá amplia horário de funcionamento de atividades comerciais na fase amarela


Fonte: Santaportal (16 de dezembro de 2020 )
Divulgação

 

GUARUJÁ – A Prefeitura de Guarujá publicou neste sábado (12), decreto que permite a expansão do horário de funcionamento das atividades comerciais por até 12 horas diárias na fase amarela do Plano SP de retomada econômica. A publicação ocorreu após a nova determinação do Governo do Estado, que autorizou os municípios a ampliarem o horário de 10 horas diárias para 12.

 

De acordo com a prefeitura, a cidade, por meio do Comitê de Crise do Coronavírus, optou por aderir à mudança a fim de evitar aglomerações, especialmente nos comércios, que recebem um aumento no movimento em razão dos festejos tradicionais de fim de ano.

 

Entretanto, não haverá mudanças na capacidade de atendimento presencial nos comércios, que permanece limitada a 40%, além da obrigatoriedade dos protocolos sanitários por parte de clientes e funcionários, tais com o uso de máscaras, a disponibilização de álcool em gel e as medidas de distanciamento social.

 

Confira os novos horários:
– Atividades imobiliárias: das 8 às 20 horas;
– Concessionária e revenda de veículos: 8 às 20 horas;
– Escritórios e estabelecimentos de prestação de serviços técnicos: 8 às 20 horas;
– Comércio de rua: 8 às 20 horas;
– Shopping Center: 10 às 22 horas;
– Salões de beleza, barbearia e clínicas de estética: das 9 às 21 horas;
– Bares: das 10 às 22 horas ou das 12 à 0 hora;
– Restaurantes e lanchonetes: das 11 às 23 horas ou das 12 à 0 hora;
– Academias, estúdios de ginástica e similares: das 6 às 11 horas e das 15 às 22 horas; das 6 às 18 horas; ou das 6 às 14 horas e das 18 às 22 horas;
– Marinas, hotéis, pensões e similares: sem restrição de horário;
– Comércio ambulante nas praias: das 8 às 20 horas;
– Quiosques da orla da praia: das 8 às 20 horas.


Mais lidas


    A desestatização do Porto de Santos deve ser concluída até o fim de 2022, de acordo com o secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários no Ministério da Infraestrutura, Diogo Piloni, durante o III Congresso de Direito Marítimo e Portuário. De acordo com ele, a consulta pública deve ser aberta até o fim […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais