SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Marinha dos EUA planeja aposentar 48 navios de 2022 a 2026

Marinha dos EUA planeja aposentar 48 navios de 2022 a 2026


Fonte: Poder Naval (14 de dezembro de 2020 )

ARLINGTON, Virgínia – O plano de construção naval de 30 anos da Marinha dos EUA, divulgado em 10 de dezembro, anunciou os nomes de 48 navios programados para serem desativados ou, no caso de navios do Military Sealift Command Ships, colocados fora de serviço, durante os anos fiscais de 2022 até 2026.

Digno de nota, as desativações planejadas incluem o primeiro porta-aviões da classe “Nimitz”, os dois primeiros submarinos de mísseis guiados classe de “Ohio” e o primeiro navio de vigilância oceânica da classe “Victorious”. A lista também inclui 11 cruzadores de mísseis guiados classe “Ticonderoga” e 11 submarinos de ataque classe “Los Angeles”.

 

As desativações são listadas por ano fiscal abaixo:

 

Em 2022

USS San Jacinto (CG 56)

  • Seis cruzadores de mísseis guiados da classe Ticonderoga serão colocados na reserva: San Jacinto (CG 56), Hue City (CG 66), Anzio (CG 68) Vella Gulf (CG 72) e Port Royal (CG 73).
  • Um navio de desembarque da classe Whidbey Island será colocado na reserva: Whidbey Island (LSD 41).
  • Dois submarinos de ataque da classe Los Angeles serão reciclados: Providence (SSN 719) e Oklahoma City (SSN 723).
  • Um rebocador oceânico da frota da classe Powhatan será eliminado: Apache (T-ATF 172).

Em 2023

USS Carter Hall (LSD 50)
  • Dois cruzadores de mísseis guiados da classe Ticonderoga serão colocados na reserva: Bunker Hill (CG 52) e Mobile Bay (CG 53).
  • Quatro navios de desembarque da classe Whidbey Island serão colocados na reserva: Germantown (LSD 42), Gunston Hall (LSD 44) e Ashland (LSD 48).
  • Um navio de desembarque da classe Harpers Ferry será colocado na reserva: Carter Hall (LSD 50).
  • Dois navios de reabastecimento de frota da classe Henry J. Kaiser serão eliminados: John Lenthall (T-AO 189).
  • Um rebocador oceânico da frota da classe Powhatan será descartado: Catawba (T-ATF 168).
  • Um navio de resgate e salvamento da classe Safeguard será eliminado: Grasp (T-ARS 51)

Em 2024

USS Chicago (SSN 721)
  • Dois cruzadores de mísseis guiados da classe Ticonderoga serão colocados na reserva: Antietam (CG 54) e Shiloh (CG 67).
  • Um navio de desembarque da classe Whidbey Island será colocado na reserva: Rushmore (LSD 47).
  • Dois navios de desembarque da classe Harpers Ferry serão colocados na reserva: Harpers Ferry (LSD 49) e Pearl Harbor (LSD 52).
  • Quatro submarinos de ataque da classe Los Angeles serão reciclados: Chicago (SSN 721), Key West (SSN 722) San Juan (SSN 751) e Topeka (SSN 754).
  • Quatro navios de contramedidas de minas da classe Avenger serão descartados: Sentry (MCM 3), Devastator (MCM 6), Gladiator (MCM 11) e Dextrous (MCM 13).
    Um navio de resgate e salvamento da classe Safeguard será eliminado: Salvor (T-ARS 52).

Em 2025

USS Nimitz visto pela popa
  • Um porta-aviões da classe Nimitz será reciclado: Nimitz (CVN 68).
  • Um navio de desembarque da classe Harpers Ferry será colocado na reserva: Oak Hill (LSD 51).
  • Dois submarinos de ataque da classe Los Angeles serão reciclados: Helena (SSN 725) e Pasadena (SSN 752).
  • Um navio de reabastecimento de frota classe Henry J. Kaiser será eliminado: Joshua Humphreys (T-AO 188)

Em 2026

Pecos (T-AO 197)
  • Um cruzador de mísseis guiados classe Ticonderoga será colocado na reserva: Chancellorsville (CG 62).
  • Um navio de desembarque da classe Whidbey Island será colocado na reserva: Comstock (LSD 45).
  • Dois submarinos de mísseis guiados da classe Ohio serão reciclados: Ohio (SSGN 726) e Flórida (SSGN 728).
  • Três submarinos de ataque da classe Los Angeles serão reciclados: Newport News (SSN 750), Scranton (SSN 756) e Alexandria (SSN 757).
  • Um navio de reabastecimento de frota da classe Henry J. Kaiser será descartado: Pecos (T-AO 197).
  • Um navio de vigilância oceânica da classe Victorious: Victorious (T-AGOS 19).

Mais lidas


O Covid-19 na Baixada Santista vem deixando uma alta taxa de ocupação de leitos na rede hospitalar na região. Atentos a isso e solidários a nossa população, vamos promover ações no Porto, para garantir cumprimento dos protocolos sanitários já definidos. Tudo isso através das competências da Santos Port Authority (SPA), do Sindicato dos Operadores Portuários […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais