SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Restrições de calado em SP caem de 8 dias para 11 horas 

Restrições de calado em SP caem de 8 dias para 11 horas 


Fonte: Praticagem do Brasil (9 de dezembro de 2020 )
Foto: Praticagem do Estado de SP

 

Lideranças parlamentares, diretores de terminais portuários, executivos do setor marítimo e autoridades de municípios da Baixada Santista visitaram, na quinta-feira (3/12), a Praticagem do Estado de São Paulo. Eles conheceram o trabalho realizado pelos práticos e os resultados obtidos com a aplicação do sistema de calado dinâmico (ReDRAFT), que otimiza o uso do canal de navegação do porto santista.

 

Implantado em 2016, o ReDRAFT diminuiu o período total de restrições de calado no canal de oito dias e dez minutos, em 2013, para 11 horas e 35 minutos, em 2019. A comitiva assistiu a uma apresentação do presidente da Praticagem de SP, Carlos Alberto de Souza Filho, sobre os investimentos realizados pela entidade nos últimos anos:

 

– Com a aplicação do calado dinâmico, tivemos como resultado maior segurança, produtividade e eficiência nas manobras.

 

A agenda de visitação incluiu o Porto de Santos e foi elaborada pelo Conselho do Fórum Brasil Export em parceria com o Instituto Brasil Logística (IBL).

 

O presidente da Frente Parlamentar Mista de Logística e Infraestrutura (FRENLOGI), senador Wellington Fagundes (MT), destacou a importância da visita:

 

– Estamos cumprindo o papel de ser o mediador entre a sociedade, o Executivo, o Legislativo e o Judiciário. Uma visita desse porte, conhecendo todo o porto e as ações da praticagem, nos enriquece e dá argumentos para falarmos em Brasília, seja nas comissões ou em plenário, o que é importante ser feito para diminuir o Custo Brasil.

 

Também participaram o vice-presidente do IBL, Tiago Lima; o diretor da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), Francisval Mendes; a chefe de gabinete da Antaq, Jacqueline Wendpap; o presidente da Santos Port Authority (SPA), Fernando Biral; os diretores de Infraestrutura, de Operações e de Desenvolvimento de Negócios e Regulação da SPA, respectivamente, Afrânio de Paiva Moreira Junior, Marcelo Ribeiro e Bruno Stupello; o diretor de Relações Institucionais da FRENLOGI, o ex-deputado federal Edinho Bez; e o deputado federal Chrisóstomo (PSL-RO).

 

Pelo Brasil Export, estiveram presentes o CEO Fabrício Julião; o presidente do Conselho do Fórum, José Roberto Campos; e vários conselheiros, entre eles o diretor do Conselho Nacional de Praticagem (Conapra), prático João Bosco; o prático Hermes Bastos Filho, da Praticagem de SP; e o secretário executivo do Conapra, Arionor Souza.

 

Em 2020, o Brasil Export realizou uma série de cem webinários, cinco fóruns regionais e um nacional, em modelo misto, com limitação da participação presencial e transmissão online para o público em geral. Em 2021, além desses, voltará a ocorrer o Fórum Santos Export, embrião do evento.


Mais lidas


    A desestatização do Porto de Santos deve ser concluída até o fim de 2022, de acordo com o secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários no Ministério da Infraestrutura, Diogo Piloni, durante o III Congresso de Direito Marítimo e Portuário. De acordo com ele, a consulta pública deve ser aberta até o fim […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais