SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Polícia Federal simula ocorrências no Porto de Santos

Polícia Federal simula ocorrências no Porto de Santos


Fonte: A Tribuna (26 de agosto de 2020 )

 

A Polícia Federal realizou, nesta terça-feira (25), exercícios para atestar a eficácia do Plano de Segurança Portuária Porto de Santos. Houve simulação de acesso não autorizado e ainda de inserção de drogas em contêineres. A operação também aconteceu nos portos de Paranaguá (PR) e Itajaí (SC).

 

Durante os exercícios, policiais federais simularam o acesso aos complexos portuários sem os devidos elementos de identificação para verificarem o cumprimento dos protocolos de segurança por parte dos funcionários do terminal.

 

Foi verificada ainda, a atuação da segurança portuária em casos de ingresso não autorizado de embarcações nos terminais, além da introdução de drogas em contêineres. Também foram realizados, exercícios de retomada da instalação portuária, para treinamento da corporação.

 

A Polícia Federal exerce a presidência da Comissão Nacional de Segurança Pública nos Portos, Terminais e Vias Navegáveis (Conportos) e tem orientado seus esforços para a construção de protocolos de segurança e para o cumprimento do Código Internacional para Proteção de Navios e Instalações Portuárias (ISPS Code). O Código exige cooperação e entendimento contínuos e efetivos entre os entes públicos e privados dos setores marítimo e portuário, de modo a detectar ameaças. Medidas preventivas contra incidentes que afetem navios ou terminais também devem ser tomadas por meio da aquisição de conhecimentos e habilidades.

 


Mais lidas


Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais