SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Empresa recebe advertência por guardar produto inflamável no Porto de Santos

Empresa recebe advertência por guardar produto inflamável no Porto de Santos


Fonte: Folha de S. Paulo (25 de agosto de 2020 )

Enquanto o Ministério da Infraestrutura e a Marimex travam batalha no Porto de Santos (SP), a Antaq (Agência Nacional de Transportes Aquaviários) adverte a empresa por irregularidades no armazenamento de contêineres. Alguns repositórios tinham gases inflamáveis e produtos perigosos, segundo o despacho do julgamento.

 

A empresa ocupa hoje 100 mil metros quadrados no porto paulista, onde o governo pretende criar um complexo de linhas ferroviárias. A prorrogação de um contrato de 20 anos da companhia com a União expirou e não foi renovado.

 

A Marimex foi à Justiça para exigir a renovação e recebeu decisão favorável, mas a União recorreu e ganhou. Há, ainda, uma medida cautelar pendente em favor da empresa no TCU.


Mais lidas


Conheça um pouco sobre a trajetória e o trabalho exercido pelos advogados de nossas associadas - Vivian Carvalho, gerente jurídico e compliance da Brasil Terminal Portuário e Leandro Fernandes, gerente jurídico do Terminal 12A. Pelo SOPESP, nossa Relações Institucionais, Marcelli Mello e nossa Assessora Jurídica, Gislaine Heredia.

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais