SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Doria afirma que até dezembro haverá 15 milhões de doses da Coronavac

Doria afirma que até dezembro haverá 15 milhões de doses da Coronavac


Fonte: Santaportal (12 de agosto de 2020 )
Divulgação

 

IMUNIZAÇÃO PELO SUS – O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou que o Instituto Butantan terá condições de produzir e aplicar 15 milhões de vacinas contra a Covid-19 já em dezembro, caso a imunização seja aprovada. A vacina, desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em conjunto com o Instituto Butantan, está na terceira e última fase de testes clínicos e o governador diz estar otimista.

 

“A partir de dezembro ficam prontas e haverá o primeiro lote já em dezembro, desde que tenhamos todas as etapas de testagem superadas e com sucesso, tenho que fazer essa ressalva, é para isso que existem”, disse. “Se tudo correr bem, em dezembro, mediante aprovação da Anvisa, nós já garantimos 15 milhões de doses para aplicação”, afirmou o governador em entrevista à CNN.

 

Segundo o governo, os resultados da última fase de testes – que conta com 9 mil médicos e paramédicos voluntários – sairão em outubro. “Há um cuidado muito criterioso sob supervisão da Anvisa. Se tudo correr bem, em dezembro, mediante aprovação da Anvisa, garantimos 15 milhões de doses para aplicação na população. Isso o Butantan já tem como garantia de disponibilizar a vacina nessa quantidade”, acrescentou.

 

Ainda na entrevista, o governador contou que o Instituto Butantan trabalha para dobrar a capacidade de produção. Para isso, o governo tem o objetivo de arrecadar R$ 130 milhões em doações —dos quais R$ 96 milhões já foram garantidos.

 

Para a CNN, o governador de São Paulo declarou não ver uma disputa com o governo federal para ver quem será o “vencedor” da disponibilidade da vacina. A prioridade precisa ser a saúde da população.

 

“Quero registrar que não estamos fazendo uma corrida pela vacina, mas pela vida. Torcemos sim para que a de Oxford tenha sucesso e êxito na 3ª e última fase. É um privilégio o Brasil ter duas vacinas para imunização dos brasileiros Não se trata de eleger a melhor, mas sim as duas vacinas”, apontou.


Mais lidas


Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais