SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Caminhões terão que fazer cadastramento prévio em Suape a partir do dia 20

Caminhões terão que fazer cadastramento prévio em Suape a partir do dia 20


Fonte: Folha de Pernambuco (14 de julho de 2020 )
Pátio de triagem de Suape – Foto: Divulgação

 

Caminhoneiros vão precisar fazer um cadastramento prévio no Porto de Suape, a partir da próxima segunda-feira para ter acesso ao complexo. A medida será necessária por conta de uma portaria com normas de disciplinamento do acesso ao porto ter sido publicada na última segunda-feira pela administração do Complexo Industrial e Portuário de Suape.

 

No próximo dia 20 de julho, começa a funcionar no entorno do Porto, três pátios de triagem de caminhões, com o objetivo de atender às normas internacionais de segurança, disciplinar o fluxo de veículos e oferecer aos caminhoneiros uma significativa redução no tempo de espera para início das operações de embarque e desembarque de cargas.

 

Um dos primeiros pátios de triagem a entrar em operação será o Sulog, que possui uma área de 120 mil m² e uma estrutura com capacidade para receber mais de 500 caminhões. No espaço será ofertado serviços como restaurante banheiros, borracheiro e sala de convivência. Já no prédio administrativo, serão disponibilizadas salas comerciais onde funcionarão escritórios de empresas que atuam no dia a dia das operações portuárias. Ao todo, foram investidos cerca de R$ 30 milhões na construção do pátio que deverá gerar 70 empregos diretos.

 

A portaria publicada pela administração do equipamento, estabelece que só terão acesso ao porto os caminhões que forem cadastrados nos pátios de triagem e tiverem agendado previamente o horário de realização das operações de movimentação de cargas. A administração do Complexo espera que com essa medida, se tenha uma melhoria nos procedimentos de segurança e redução no tempo de espera dos caminhoneiros, promovendo uma melhor distribuição do tráfego no ambiente viário do porto.

 

As novas normas também devem contribuir para a desobstrução dos acostamentos das rodovias de acesso ao porto. Atualmente, os cerca de 2 mil caminhoneiros que circulam em Suape todos os dias são obrigados a aguardar até 12 horas às margens da rodovia para entrar na área portuária. O serviço de triagem prévia também irá garantir maior segurança às cargas e redução do custo operacional para transportadores e armadores.


Mais lidas


Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais