SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Coronavírus hoje: Brasil chega a 68 mil mortes e Argentina tem recorde de casos

Coronavírus hoje: Brasil chega a 68 mil mortes e Argentina tem recorde de casos


Fonte: Valor Investe (9 de julho de 2020 )
Getty Images

 

O Brasil tem 68.089 mortes por coronavírus confirmadas até as 8h desta quinta-feira (9), aponta levantamento feito pelo consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde.

 

O consórcio divulgou na quarta-feira (8), às 20h, o 31º balanço, com os dados mais atualizados das secretarias estaduais naquele momento. Desde então, CE, GO, PI, RN e RR divulgaram novos dados.

 

Veja os dados atualizados às 8h desta quinta-feira (9):

 

  • 68.089 mortos
  • 1.719.660 casos confirmados
    (Na quarta-feira, 8, às 20h, o balanço indicou: 68.055 mortes, 1.187 em 24 horas; e 1.716.196 casos confirmados.)

 

Rio de Janeiro

O governo do estado do Rio de Janeiro divulgou documento com as regras de flexibilização do isolamento social e critérios para a reabertura gradual, após as restrições impostas em março pela pandemia de covid-19.

 

Chamado de Pacto Covid RJ, o indicador da Secretaria Extraordinária de Covid-19 do Estado aponta que, neste momento, o Rio de Janeiro encontra-se em risco moderado de contágio pela doença, na faixa laranja, somando 10 pontos.

 

A tabela está dividida em cinco cores. A roxa indica um risco muito alto de transmissão do novo coronavírus; a vermelha indica risco alto; na laranja o risco é moderado; com a amarela significa que é baixo; e a verde aponta para um risco muito baixo.

 

Argentina
A Argentina anunciou um recorde diário de 3.604 casos confirmados de covid-19, enquanto lida com infecções crescentes que ameaçam seu sucesso inicial em impedir a propagação do novo coronavírus, segundo a agência de notícias Reuters.

 

O aumento acentuado, a primeira vez que os casos diários superaram a marca de 3 mil, elevou o número total para 87.030, cinco vezes o número do início de junho, embora ainda bem abaixo das cifras nos vizinhos mais afetados como o Brasil, Chile e Peru.

 

O governo de centro-esquerda da Argentina impôs um lockdown rigoroso em meados de março, que foi afrouxado na maior parte do país, mas ampliado e reforçado no fim do mês passado na capital Buenos Aires e seus arredores devido a um aumento nos casos.

 

De acordo com a Reuters, o número de mortos na Argentina devido à pandemia é de 1.694.

 

O impacto do novo coronavírus atingiu a economia do país sul-americano, em recessão há dois anos e lutando para resolver uma dolorosa crise da dívida. Os economistas preveem uma contração econômica de 12% para 2020.

 

Estados Unidos

O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, apresentou um plano para reabrir o maior sistema escolar do país em setembro, com um calendário de “ensino misto” por meio do qual os alunos alternariam entre as salas de aula e seus lares, segundo a agência de notícias Reuters.

 

A proposta chega no momento em que administradores de escolas de toda o país se empenham em equilibrar a segurança e as necessidades educativas, e o presidente Donald Trump pressiona escolas a reabrirem no outono.

 

De acordo com a Reuters, pelo plano de Nova York, que exige aprovação estadual, 1,1 milhão de alunos da rede pública passariam dois dias na escola e três estudando em casa, e depois reverteriam a sequência na semana seguinte.

 

“Esse modelo misto, esse tipo de modelo de cronograma dividido, é o que podemos fazer nas condições atuais”, disse De Blasio. “Depois vamos torcer e orar para que a ciência nos ajude com uma vacina, uma cura ou tratamento.”

 

Ainda segundo a Reuters, o plano também pede que os edifícios das escolas sejam desinfetados com frequência, que os estudantes usem proteções faciais e mantenham o distanciamento social nesses locais, afirmou o prefeito. Pais preocupados com a segurança podem manter os filhos em casa para aulas virtuais e com outros materiais, acrescentou.

 

Atualmente, quase todos os estados norte-americanos estão cogitando planos de reabertura. Eles fecharam as escolas em março, e a pandemia os forçou a mudar para alguma forma de instrução remota que, normalmente, depende de conexões com a internet.

 

Japão
O governo de Tóquio confirmou 224 novas infecções por covid-19, marcando o maior aumento em um dia.

 

A capital japonesa tem se concentrado nos jovens que trabalham nos distritos com grande vida noturna, mas as infecções têm aumentado entre os membros de famílias e frequentadores dos restaurantes.

A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, disse que o aumento dos testes levou à alta do número de casos de coronavírus na quinta-feira. As autoridades, contudo, continuam afirmando que não é necessário declarar estado de emergência.

 

No entanto, embora pequeno em comparação com algumas cidades globais, o número foi chocante depois que a quantidade de casos caiu abaixo de 100 na quarta-feira pela primeira vez em uma semana.

 

Os mercados de Tóquio reagiram negativamente às notícias, com o índice Topix reduzindo os ganhos. Koike havia alertado anteriormente que o número do dia pode ser muito alto, enquanto o ministro da Economia, Yasutoshi Nishimura, disse que os números na sexta-feira também podem ser significativos.

 

Koike disse que quer aumentar a capacidade de testes da cidade para 10 mil por dia. Ela pediu às pessoas que evitem áreas que atendam aos “Três C’s” – espaços fechados, espaços lotados e locais de contato próximo – e especialmente incentivando as pessoas em festas a não beberem do mesmo copo.


Mais lidas


  Estivemos presente na primeira Expo Retomada – Evento Teste Oficial autorizado pelo Governo do Estado de São Paulo e a Prefeitura Municipal de Santos, para falarmos sobre a reabertura dos eventos.   Nosso Diretor-Executivo, Ricardo Molitzas participou no 3º Painel: “Novas oportunidades de gestão para o setor de eventos” ao lado da Sueli Martinez […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais