SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Hapag-Lloyd deixará de aceitar remessas de resíduos sólidos com destino à China

Hapag-Lloyd deixará de aceitar remessas de resíduos sólidos com destino à China


Fonte: Mundo Marítimo (29 de junho de 2020 )

A Hapag-Lloyd anunciou que já notificou seus clientes de que deixará de aceitar cargas de resíduos sólidos, incluindo sucata, destinadas à China que chegará em 1º de setembro. Isso, para cumprir a nova lei chinesa, aprovada em abril, que exige que transportadoras e importadores assumam a responsabilidade pela devolução e descarte de resíduos sólidos que não atendem aos requisitos de importação. O objetivo é alcançar uma proibição completa das importações de resíduos sólidos até o final de 2020 por razões ambientais, informou a Reuters .

 

A empresa de transporte declarou que “esta legislação é aplicável a todas as cargas de resíduos sólidos, como papéis, plásticos, metais, produtos químicos, etc.” Qualquer violação “resultará na devolução da remessa encomendada pela alfândega e uma possível multa poderá ser imposta”, acrescentou.

 

A Hapag-Lloyd é a mais recente empresa de transporte marítimo a confirmar que deixará de aceitar remessas de resíduos sólidos com destino ao país asiático, depois que a MSC anunciou no início de junho que havia instruído seus agentes de transporte ao redor do mundo a rejeitar essas reservas.

 

Deve-se notar que os resíduos sólidos comprados sob cotas aprovadas ainda podem entrar na China até o final de 2020, mas a ação imediata das companhias de navegação aumenta a possibilidade de interrupção do fornecimento nos últimos meses do ano.


Mais lidas


Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais