SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Brasil pode ter mais dificuldade para sair da crise, diz Wichmann

Brasil pode ter mais dificuldade para sair da crise, diz Wichmann


Fonte: Valor Investe (15 de abril de 2020 )

Países emergentes, com menor espaço fiscal e poupança doméstica como o Brasil, vão ter mais dificuldade para sair da crise após políticas anticíclicas usadas para mitigar os efeitos da pandemia de covid-19.

 

Segundo o ex-Verde Artur Wichmann, sócio da Citrino Gestão de Recursos, embora as métricas de endividamento em relação ao PIB subam em todas as economias, o país tem uma série de preocupações secundárias que o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) e o Tesouro dos Estados Unidos, por exemplo, não têm.

 

“Se a política fiscal é forte demais, os agentes ficam preocupados com o excesso de endividamento do governo. A dívida/PIB alta pode não convergir no médio prazo e demandar mais prêmios em títulos públicos”, disse ao participar de conferência da XP pela internet.

 

Do lado da política monetária, o BC brasileiro tem o dilema de não cortar demais os juros sob o risco de inclinar mais a curva das taxas futuras para cima e acentuar a desvalorização do real. “Infelizmente, os emergentes sofrem mais e do ponto de vista de gestão, têm menos poupança e capacidade de ficar em casa sem renda.”

Ele ponderou que políticas de isolamento social e de paralisação de atividades têm que ser muito bem pensadas porque, se depois de 20 dias um autônomo ou profissional liberal não conseguirem colocar comida na dispensa, isso pode virar uma insurgência social.


Mais lidas


Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

  O município de Balneário Barra do Sul, no litoral norte de Santa Catarina, poderá ganhar um empreendimento portuário vinculado a um complexo empresarial e de serviços. O empreendimento projetado – por ora é só isso, uma intenção – é denominado “Super porto BBS”. Dizem os investidores potenciais que o negócio poderá ocupar área de […]

Leia Mais