SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Japão pagará para empresas deixarem a China

Japão pagará para empresas deixarem a China


Fonte: Valor Econômico (13 de abril de 2020 )

O Japão destinou US$ 2,2 bilhões de seu pacote recorde de quase US$ 1 trilhão em estímulos à economia contra a crise do coronavírus para ajudar empresas a deixar a China e realocar a produção em outros países, de acordo com a agência Bloomberg.

 

O pacote inclui cerca de US$ 2 bilhões em apoio para empresas que desejem levar a produção de volta para o Japão e outros US$ 200 milhões para aquelas que quiserem se mudar para outros países.

 

A China é o maior parceiro comercial do Japão em circunstâncias normais, mas as exportações chinesas despencaram em fevereiro, quando a pandemia da covid-19 fez com que as fábricas do país fossem fechadas. Os fabricantes japoneses, por sua vez, ficaram sem os materiais necessários para continuar trabalhando.

 

Os problemas na cadeia de suprimento reacenderam o debate sobre a necessidade de as empresas japonesas reduzirem a dependência da China. Um painel do governo sobre investimentos futuros discutiu, por exemplo, levar de volta para o Japão a produção de produtos de alto valor agregado e a distribuir a produção de outros bens pelos outros países do Sudeste Asiático.


Mais lidas


Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

  O município de Balneário Barra do Sul, no litoral norte de Santa Catarina, poderá ganhar um empreendimento portuário vinculado a um complexo empresarial e de serviços. O empreendimento projetado – por ora é só isso, uma intenção – é denominado “Super porto BBS”. Dizem os investidores potenciais que o negócio poderá ocupar área de […]

Leia Mais