SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Governo do Estado inaugura escritório comercial de SP nos Emirados Árabes Unidos

Governo do Estado inaugura escritório comercial de SP nos Emirados Árabes Unidos


Fonte: DP World Santos (3 de março de 2020 )
Foto: DP World

 

Estado de São Paulo, inaugurou nesta segunda-feira, dia 10 de março, um escritório comercial na cidade de Dubai, nos Emirados Árabes, com o objetivo de aumentar o comércio entre o principal centro industrial do Brasil e a região do Oriente Médio e o Norte da África.

 

O Governador de São Paulo, João Dória, ao lado do Presidente do Grupo e CEO da DP World, Sultan Ahmed Bin Sulayem, lideraram uma cerimônia realizada na Dubai Maritime City. O evento contou ainda com a presença de CEO’s e líderes de cinquenta empresas brasileiras e funcionários do Governo.

As exportações do Brasil para os países árabes cresceram 6,3% ano a ano, atingindo U$ 12,197 bilhões em 2019. As importações brasileiras da região atingiram U$ 6,99 bilhões. O Escritório Comercial terá como objetivo expandir o relacionamento comercial entre São Paulo e a região do Oriente Médio, incluindo exportações de produtos brasileiros, além de atrair investimentos nos projetos de privatização de São Paulo.

 

O Estado de São Paulo está focando objetivos na expansão de seu relacionamento com regiões de rápido crescimento. A abertura do escritório em Dubai é resultado de uma missão comercial, realizada no ano passado em Xangai. O escritório comercial de São Paulo impulsionará o desenvolvimento da cidade como um hub global para as indústrias marítimas e o comércio mundial.

 

A InvestSP, agência de promoção de investimentos e exportações de São Paulo, organizou a visita de uma delegação brasileira a Dubai e Abu Dhabi.

 

“São Paulo tem excelentes oportunidades de investimento em iniciativas de privatização e do setor privado”, disse Wilson Mello, presidente da InvestSP. “A região do Oriente Médio já é uma grande importadora de produtos brasileiros, especialmente de São Paulo, e por isso reunimos uma equipe de empresários e outros representantes do setor privado para fortalecer ainda mais este comércio”, destaca.

 

“Damos as boas-vindas ao Governador, João Doria, e aos membros da delegação comercial do estado de São Paulo nos Emirados Árabes Unidos. A inauguração oficial do escritório em Dubai inaugura um novo e empolgante capítulo em nossas relações comerciais, reforçando os fortes laços existentes entre a região árabe e o Brasil ”, disse o Sultan Ahmed Bin Sulayem, Presidente do Grupo e CEO, DP World.

 

“Houve um crescimento significativo no comércio entre o Brasil e os Emirados Árabes Unidos, bem como com a região árabe em 2019. Vemos grandes oportunidades para expandir nosso relacionamento comercial, beneficiando negócios e pessoas dos Emirados Árabes Unidos e do estado de São Paulo”, bin Sulayem acrescentou.

 

“São Paulo responde por 60% da produção de açúcar do Brasil, com cerca de 18 milhões de toneladas. Na atual safra, deverá exportar quase 13 milhões de toneladas. Se fossemos um país, nosso Estado seria o terceiro maior produtor do mundo e o segundo maior exportador. Daí a importância de São Paulo para o setor”, declarou o Governador João Doria.

 

A visita da delegação ocorre de 8 a 13 de fevereiro, incluindo reuniões com empresas e investidores locais em Dubai e Abu Dhabi. Além dos empresários, a delegação inclui os secretários Henrique Meirelles (Tesouraria), Patrícia Ellen (Desenvolvimento Econômico), Gustavo Junqueira (Agricultura e Abastecimento), João Octaviano (Logística e Transporte) e Júlio Serson (Relações Internacionais).

 

Estrutura Distribuído em uma área de 133 m2, o escritório possui recepção, duas salas e uma seção com estações de trabalho. Toda a infraestrutura e aluguel serão financiados pelo governo de Dubai. Apenas os funcionários serão remunerados pelo Governo de São Paulo. Para a direção do escritório em Dubai, Doria escolheu Silvia Pierson, que já foi chefe de operações internacionais da Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) em Miami.

 


Mais lidas


    A desestatização do Porto de Santos deve ser concluída até o fim de 2022, de acordo com o secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários no Ministério da Infraestrutura, Diogo Piloni, durante o III Congresso de Direito Marítimo e Portuário. De acordo com ele, a consulta pública deve ser aberta até o fim […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais