SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Eventos   /   Hapag-Lloyd fornece à sua frota novo biocombustível

Hapag-Lloyd fornece à sua frota novo biocombustível


Fonte: Mundo Marítimo (5 de fevereiro de 2020 )

Um dos navios da Hapag-Lloyd, a fim de reduzir as emissões de CO2 geradas pelas operações de sua frota, recentemente reabasteceu um bunker em Roterdã com um novo biocombustível ecológico. O “Montreal Express” carregava em seus tanques o combustível “B20”, que consiste em 80% de combustível com baixo teor de enxofre e 20% de biodiesel com base em óleos e gorduras de cozinha que haviam sido usados ??anteriormente na indústria de serviços de comida / catering. O biodiesel gera até 90% menos emissões de CO2 do que os combustíveis convencionais.

 

Da transportadora, eles disseram que, com este teste, estão dando mais um passo para alcançar seus ambiciosos objetivos de proteção climática. “Até o final deste ano, queremos reduzir nossas emissões específicas de CO2 em 50% em comparação com o ano de referência de 2008. Biocombustíveis como o ‘B20’ podem nos ajudar a atingir esse objetivo. Isso ocorre porque, além de ter um Com baixo teor de enxofre, o combustível também emite menos CO2 nocivo ao clima durante a combustão “, explica Jörg Erdmann, diretor-chefe de Gerenciamento de Sustentabilidade.

 

A Hapag-Lloyd tenta usar o teste com o “Montreal Express”, que opera no Serviço Coordenado de San Lorenzo 2 ‘AT 2’ entre a Europa e o Canadá, para obter experiência e informações sobre as propriedades do combustível através de seu uso no mundo. real. “Estamos verificando se a proporção de biodiesel tem algum efeito adverso no equipamento e no processamento do combustível a bordo do navio. Se o teste for bem-sucedido, mais navios da frota da Hapag-Lloyd poderão operar usando o combustível ‘B20’ no futuro “, acrescenta Jan Christensen, diretor sênior de Compras e Suprimentos da Hapag-Lloyd.


Mais lidas


    A desestatização do Porto de Santos deve ser concluída até o fim de 2022, de acordo com o secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários no Ministério da Infraestrutura, Diogo Piloni, durante o III Congresso de Direito Marítimo e Portuário. De acordo com ele, a consulta pública deve ser aberta até o fim […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais