SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   O Porto de Santos na rota do tráfico internacional de drogas 

O Porto de Santos na rota do tráfico internacional de drogas 


Fonte: A Tribuna (28 de novembro de 2019 )
Porto de Santos na rota do tráfico internacional de drogas (Foto: Divulgação/Receita Federal)

Um dado preocupante chamou a atenção neste mês. O recorde anual de apreensão de drogas no Porto de Santos foi batido, faltando quase dois meses para o fim do período. O Brasil, que carrega a triste posição de segundo maior consumidor mundial de cocaína e seus derivados, também contribui para a distribuição deste veneno para muitos outros países do planeta. Um dos principais pontos para que façamos parte dessa rota é o fato de que, sozinha, a vizinha Colômbia é responsável por 70% da produção mundial deste produto.

 

A estratégia dos traficantes é embutir a droga no meio de diferentes cargas que partem daqui para todos os lugares do mundo. O mais impressionante é que, na grande maioria das vezes, tanto o exportador quanto o importador sequer imaginam que no meio da carga comercializada são embutidas toneladas de drogas. A técnica é conhecida criminalmente como “rip-on/rip-off“.

 

Assim, o Porto de Santos, que movimenta 25% dos contêineres no país, foi responsável, sozinho, por 40% de toda a droga apreendida em portos brasileiros neste ano. Isso não pode continuar assim. É preciso mudar essa realidade e, consequentemente, melhorar a imagem ruim do maior porto da América Latina em relação ao assunto drogas.

 

Não podemos fechar os olhos para o fato de que outros portos têm oferecido menores taxas e mais agilidade como atrativo para serviços portuários. É necessário observar de forma criteriosa essa questão, buscando mais investimentos, formação e preparo constante dos policiais federais para que esse problema não se torne, em curto prazo, mais um motivo capaz de afugentar exportadores e importadores.

 

Temos a obrigação de cuidar e preservar nosso porto, como importante gerador de empregos e responsável por boa parte da economia local, sob o risco de perdermos ainda mais espaço no cenário nacional.


Mais lidas


Os dados divulgados pela Autoridade Portuária de Santos (APS), em seu balanço operacional de março, apontam um recorde histórico na movimentação de cargas. Foram mais de 15,16 milhões de toneladas que passaram pelos terminais do Porto de Santos, um crescimento de 10,4% comparado com a marca histórica anterior, conquistada em agosto de 2020.   O […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais