SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Unica vê vitória em nova cota para importação de etanol sem tarifa

Unica vê vitória em nova cota para importação de etanol sem tarifa


Fonte: DCI (2 de setembro de 2019 )

SÃO PAULO (Reuters) – A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) considerou “uma grande vitória do governo brasileiro” o estabelecimento de uma nova cota anual sem tarifa para importações de etanol em 750 milhões de litros, de 600 milhões anteriormente, uma vez que havia pressões para uma liberalização total do mercado, com taxa zero para qualquer volume.

 

No final de julho, a Unica defendeu que manter qualquer facilidade para importações favoreceria os Estados Unidos, maiores exportadores para o país, e prejudicaria a indústria de cana do Brasil, que havia se preparado para o final da cota para importações sem tarifa.

 

O governo brasileiro ainda não se manifestou oficialmente sobre a decisão em relação à cota de importações, mas segundo a Unica o novo limite foi estabelecido após negociações lideradas pela ministra da Agricultura, Teresa Cristina, com respaldo do presidente Jair Bolsonaro.

 

Em nota à imprensa, a Unica citou “meses de tensão” antes do resultado das negociações, que segundo a associação “demonstra firmeza do Brasil”, uma vez que estabeleceu “condições para um incremento futuro do comércio bilateral de etanol”.

 

Segundo a entidade, as condições em troca da cota envolveriam “abertura do mercado americano de açúcar, um dos mais protegidos do mundo, e a implementação efetiva do E15 (mistura de 15% de etanol na gasolina, versus os 10% atuais) nos Estados Unidos”. A associação, no entanto, não cita prazos para essas medidas.

 

A Unica disse que o tom proposto para as negociações pelo Ministério da Agricultura foi adotado por membros da equipe econômica, como o ministro da Economia, Paulo Guedes, e transmitido ao governo norte-americano pelo chanceler brasileiro Ernesto Araújo em “encontro que contou com a presença e influência do deputado federal Eduardo Bolsonaro”.

 

O deputado, filho do presidente Bolsonaro, foi escolhido por ele para comandar a embaixada do Brasil em Washington, mas ainda não teve a indicação submetida ao Senado Federal.


Mais lidas


Trabalhar no Porto de Santos é o sonho de muitos estudantes e profissionais. Oportunidades não faltam! Afinal, são várias empresas que atuam nos quase 8 milhões de m² do maior porto da América Latina.   Com toda essa estrutura, logística e evolução tecnológica, as empresas vêm exigindo cada vez mais profissionais altamente qualificados e capacitados. […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais