SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   ONE adquire espaços adicionais nos navios da Hapag-Lloyd a serviço da rota EUA-Golfo-ECSA

ONE adquire espaços adicionais nos navios da Hapag-Lloyd a serviço da rota EUA-Golfo-ECSA


Fonte: Mundo Marítimo (22 de agosto de 2019 )

A Ocean Network Express (ONE) chegou a um acordo com a Hapag-Lloyd para a compra de espaços adicionais em um serviço conjunto com a MSC que cobre a rota entre o Golfo dos Estados Unidos. e a Costa Leste da América do Sul e que é comercializada como ‘ANG’, ‘GS-1’ ‘e’ Gulf-SAEC ‘pelas respectivas linhas marítimas, de acordo com o último boletim da Alphaliner que a Mundo Marítimo acessa exclusivamente.

 

Este serviço chega a Vera Cruz, Altamira, Houston, Nova Orleans, Cartagena, Suape, Santos, Buenos Aires, Montevidéu, Rio Grande do Sul, Navegantes, Santos, Rio de Janeiro, Cartagena, Vera Cruz.

 

Está concluído em oito semanas usando oito navios de 5.500 a 8.000 TEUs. A Hapag-Lloyd opera seis navios de 6.500 a 8.000 TEUs, enquanto ONE e MSC contribuem com 6.000 embarcações e 5.500 TEUs, respectivamente.

 

Este acordo, apresentado à Comissão Marítima Federal dos Estados Unidos, estabelece que a ONE comprará espaços adicionais da Hapag-Lloyd que se somam à atual cota existente, dentro dos limites do contrato de compartilhamento de espaço que mantém com as outras duas companhias de navegação participantes.

 

A ONE comprará espaços para cem TEUs em cada um dos seis navios operados pela Hapag-Lloyd. O contrato deve permanecer em vigor por pelo menos quatro meses ou até que o ONE implante um navio porta-contêineres maior que o atual navio de 6.008 TEUs, o “ER Canada”, que cria um desequilíbrio no tamanho dos navios nessa rota.

 

Por seu turno, a MSC não anunciou até agora a compra de qualquer intervalo de tempo adicional ou a sua intenção de substituir o seu navio porta-contentores “MSC Barcelona” de 5.550 TEUs de capacidade.


Mais lidas


Trabalhar no Porto de Santos é o sonho de muitos estudantes e profissionais. Oportunidades não faltam! Afinal, são várias empresas que atuam nos quase 8 milhões de m² do maior porto da América Latina.   Com toda essa estrutura, logística e evolução tecnológica, as empresas vêm exigindo cada vez mais profissionais altamente qualificados e capacitados. […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais