SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Canal do Panamá deixa de receber US$ 30 milhões em receitas da Guerra Comercial EUA-China

Canal do Panamá deixa de receber US$ 30 milhões em receitas da Guerra Comercial EUA-China


Fonte: Mundo Marítimo (7 de agosto de 2019 )

O administrador da Autoridade do Canal do Panamá, Jorge Luis Quijano, revelou que a rota interoceânica, devido ao conflito comercial entre a China e os Estados Unidos, deixou de receber receita adicional de US $ 30 milhões.

 

Nesse sentido, Quijano disse que esta situação levou a ajustar o orçamento do ano fiscal 2020 para US $ 3.278,6 milhões, com contribuições para o Tesouro Nacional no valor de US $ 1.768,4 milhões, dados os possíveis impactos das tensões comerciais.

 

O administrador do ACP assegurou que o orçamento “está de acordo com a situação atual que estamos vivendo (com a China e os Estados Unidos). Não podemos deixar de lado tudo o que está acontecendo ao nosso redor. Este ano, por exemplo, teríamos feito um adicional de US $ 30 milhões se não houvesse tensão entre os Estados Unidos e a China e isso nos afetou em não poder ser melhor. Somos muito bons, mas podemos ser muito melhores ”, segundo o SINP News.

 

Deve ser lembrado que o orçamento proposto para o Canal para o ano fiscal de 2020 foi aprovado em 30 de julho pelo Conselho de Ministros.

 

Projeções

Com relação às metas para o ano fiscal de 2020, Quijano indicou que espera-se um crescimento adicional de 30 ou 35 milhões de toneladas no próximo ano, para atingir uma tonelagem de mais de 490 milhões.

 

Com essa tonelagem, pode-se esperar uma receita de US $ 3.278 milhões e contribuições para o Estado da ordem de US $ 1.768 milhões, acrescentou.

 

Por sua vez, a autoridade ACP sublinhou que se estimara que, até 2025, os níveis de tonelagem acima dos 500 milhões de CP / SUAB poderiam ser vistos; e neste caso, se a situação melhorar, pode ser o caso, embora não seja o que está no orçamento, que esse limite de 500 milhões de CP / SUAB seja excedido.


Mais lidas


Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

  O município de Balneário Barra do Sul, no litoral norte de Santa Catarina, poderá ganhar um empreendimento portuário vinculado a um complexo empresarial e de serviços. O empreendimento projetado – por ora é só isso, uma intenção – é denominado “Super porto BBS”. Dizem os investidores potenciais que o negócio poderá ocupar área de […]

Leia Mais