SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Governo se reúne com representantes do setor de couro e calçados

Governo se reúne com representantes do setor de couro e calçados


Fonte: Governo do Estado de São Paulo (2 de julho de 2019 )

O Governador João Doria recebeu no Palácio dos Bandeirantes, na segunda-feira (1º), lideranças do setor de couro e calçados dos polos industriais de Franca, Birigui e Jaú. A reunião contou com a participação do Secretário da Fazenda, Henrique Meirelles; do Secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi; e do Presidente da InvestSP, Wilson Mello.

 

Na ocasião, foi apresentado um plano de inovação do setor, que conta com o apoio da agência Desenvolve SP com linhas de crédito para financiamento da renovação do parque fabril, bem como suporte para pesquisa e desenvolvimento. A busca por equalização do Estado no tratamento tributário também foi um dos assuntos tratados pelo governador.

 

“O Estado de São Paulo está trabalhando arduamente lado a lado com o setor calçadista, incentivando a geração de novos negócios e investimentos visando o desenvolvimento de toda a cadeia produtiva”, comentou o Governador.

 

O governo se comprometeu a realizar estudos sobre todas as demandas solicitadas do setor, entre elas a redução de impostos como o ICMS (com equiparação ao que outros estados praticam), maior prazo para recolhimento e o novo PEP/REFIS para as empresas.

 

Uma próxima reunião foi agendada para o segundo semestre, quando será discutido projeto que visa avançar nas propostas de incentivo à exportação deste setor que hoje responde por quase 8% da produção nacional e 10% das exportações do país.

 

Polo de Desenvolvimento Econômico

Como forma de incentivar a atividade industrial em todo o Estado, o Governo de São Paulo anunciou há dois meses a criação de 11 polos de desenvolvimento econômico com pacote de benefícios setoriais para a indústria, entre eles o de Couro e Calçados nas regiões de Franca, Bauru, Araçatuba.

 

Entre as medidas adotadas para otimizar as políticas públicas nestes polos, foram criados seis pilares, visando adensar e integrar as cadeias produtivas, entre eles a simplificação tributária e regulatória; o financiamento competitivo – voltado ao adensamento da cadeia produtiva; tecnologia e inovação; qualificação da mão de obra; infraestrutura e serviços; e ambiente de negócios & desburocratização – fast track de licenças e permissões, one stop shop.


Mais lidas


  Estivemos presente na primeira Expo Retomada – Evento Teste Oficial autorizado pelo Governo do Estado de São Paulo e a Prefeitura Municipal de Santos, para falarmos sobre a reabertura dos eventos.   Nosso Diretor-Executivo, Ricardo Molitzas participou no 3º Painel: “Novas oportunidades de gestão para o setor de eventos” ao lado da Sueli Martinez […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais