SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Mercado   /   Cresce movimentação no Cais Comercial de Vitória

Cresce movimentação no Cais Comercial de Vitória


Fonte: Portos e Navios (11 de junho de 2019 )

No primeiro trimestre de 2019, o Cais Comercial de Vitória  obteve o aumento de 28,38% de embarcações recebidas. Esse crescimento é resultado das novas profundidades do Canal e dos berços que permitem a atração de navios com maior capacidade de cargas, ou seja, o resultado prático da dragagem.

 

Em relatório gerado pela Coordenação de Planejamento e Desenvolvimento da CODESA, é possível constatar que os berços 101, 102 e 103 receberam 95 navios entre os meses de janeiro a março deste ano, em comparação às 74 embarcações recebidas no ano passado. Esse resultado reflete o impacto da conclusão da dragagem entregue em janeiro que prevê o recebimento de navios com até 12,5m de calado.

 

O Terminal de Vila Velha (TVV), obteve o aumento de atracação de 16,36% e Paul, 11,36% no mesmo período. De acordo com o relatório, quase 6000 mil toneladas de cargas, incluindo granéis sólidos, líquidos e cargas em geral foram enviadas para outros países e 532.920 mil toneladas recebidas pelos Terminais públicos e arrendados do Porto de Vitória.  Já a navegação de cabotagem, movimentação aquaviária de cargas dentro do país, embarcou 27.940 toneladas e desembarcou 203.063 toneladas.


Mais lidas


Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

  O município de Balneário Barra do Sul, no litoral norte de Santa Catarina, poderá ganhar um empreendimento portuário vinculado a um complexo empresarial e de serviços. O empreendimento projetado – por ora é só isso, uma intenção – é denominado “Super porto BBS”. Dizem os investidores potenciais que o negócio poderá ocupar área de […]

Leia Mais