SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Diretoria de Hidrografia e Navegação firma convênio com Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

Diretoria de Hidrografia e Navegação firma convênio com Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais


Fonte: Marinha do Brasil (5 de junho de 2019 )
Tempestade Tropical “Jaguar”, prevista pelo Centro de Hidrografia da Marinha, em colaboração com o CPTEC

A Diretoria de Hidrografia e Navegação (DHN) e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) assinaram, no dia 30 de maio, um convênio para o estabelecimento de uma cooperação técnica entre as duas instituições. A parceria tem o objetivo de promover um intercâmbio científico e tecnológico entre o Centro de Hidrografia da Marinha (CHM), subordinado à DHN, e o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), por parte do INPE.

 

Uma das ações previstas pelo acordo é que o CHM transmita ao CPTEC dados meteorológicos e oceanográficos, disponíveis no Banco Nacional de Dados Oceanográficos da Marinha do Brasil, como observações de navios e boias, para serem utilizados na validação de modelos de estimativa.

 

Fica estabelecido, ainda, um intercâmbio de conhecimento no que concerne à modelagem oceanográfica e de ondas, com a possibilidade de compartilhamento de produtos numéricos de previsões ambientas como ondas, temperatura da superfície do mar, corrente e salinidade, para aplicações correlatas e estudos conjuntos de intercomparação de modelos.

 

Com o convênio, as instituições também fortalecem seu compromisso com o monitoramento conjunto, por satélite, de sistemas meteorológicos, como frentes e ciclones subtropicais, sobre a mesma área de interesse, a América do Sul e o Oceano Atlântico adjacente. Assim, visa-se a aumentar a precisão nas análises sinóticas, principalmente no posicionamento dos sistemas em questão.

 

O CHM e o CPTEC comprometem-se a incentivar a realização de um esforço coletivo para a elaboração de projetos de observação, modelagem e pesquisa de interesse mútuo, com a divulgação dos resultados em publicações técnicas e científicas.


Mais lidas


    A desestatização do Porto de Santos deve ser concluída até o fim de 2022, de acordo com o secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários no Ministério da Infraestrutura, Diogo Piloni, durante o III Congresso de Direito Marítimo e Portuário. De acordo com ele, a consulta pública deve ser aberta até o fim […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais