SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Louis Dreyfus Company anuncia seu primeiro mecanismo de crédito rotativo vinculado à sustentabilidade

Louis Dreyfus Company anuncia seu primeiro mecanismo de crédito rotativo vinculado à sustentabilidade


Fonte: Louis Dreyfus Company (28 de maio de 2019 )

ROTTERDAM, HOLANDA, 28 de maio de 2019 – A Louis Dreyfus Company BV (LDC) tem a satisfação de anunciar a renovação de sua linha de crédito rotativo (RCF) de US $ 750 milhões na América do Norte, incluindo pela primeira vez um mecanismo de precificação vinculada à sustentabilidade. A transação substitui a RCF anterior de US $ 750 milhões por três anos.

 

Por meio do mecanismo vinculado à sustentabilidade, a taxa de juros da RCF está vinculada ao desempenho em relação aos quatro principais indicadores de desempenho da LDC, que definem reduções nas emissões de CO2, consumo de eletricidade, uso de água e resíduos sólidos enviados para aterros. Como parte do acordo, haverá uma redução na margem de juros para cada ano em que a LDC fizer melhorias em seu desempenho de sustentabilidade, com um auditor independente fornecendo validação.

 

“Nossa posição na cadeia de valor alimentício nos coloca no centro de alguns dos desafios mais prementes do mundo, como a necessidade de alimentar uma população mundial crescente de forma sustentável. Como empresa, estamos comprometidos com a criação justa e sustentável de valor, e com este primeiro RCF ligado à sustentabilidade, hoje estamos vinculando esse compromisso ao nosso financiamento. Também é positivo que a comunidade bancária esteja cada vez mais enfrentando o desafio, por meio de novas opções de financiamento ”, disse Federico Cerisoli, Diretor Financeiro do Grupo LDC.

 

“Pretendemos implementar metas similares relacionadas à sustentabilidade, à medida que nossos outros dois RCFs surjam para a renovação na Ásia e EMEA”, acrescentou.

 

A transação foi liderada e ancorada pelo BNP Paribas, pelo Bank of America, pelo ICBC, ING, MUFG, Société Générale e SunTrust como coordenadores e bookrunners principais, com o ING agindo como agente estruturante de sustentabilidade e o BNP Paribas como coordenador de sustentabilidade.


Mais lidas


O Covid-19 na Baixada Santista vem deixando uma alta taxa de ocupação de leitos na rede hospitalar na região. Atentos a isso e solidários a nossa população, vamos promover ações no Porto, para garantir cumprimento dos protocolos sanitários já definidos. Tudo isso através das competências da Santos Port Authority (SPA), do Sindicato dos Operadores Portuários […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais