SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Mercado   /   Governo Bolsonaro sofre mais uma baixa: Itamaraty demite presidente da Apex-Brasil

Governo Bolsonaro sofre mais uma baixa: Itamaraty demite presidente da Apex-Brasil


Fonte: Comex do Brasil (10 de abril de 2019 )
Mario Vilalva, presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, Apex-Brasil.

Brasília – Através de uma nota curta, de pouco mais de cinco linhas, o Itamaraty anunciou hoje (9) a exoneração do embaixador Mário Vilalva da presidência da Agência Brasileira de Promoção das Exportações  Investimentos (Apex-Brasil).

 

No comunicado divulgado,  a chancelaria justifica a demissão do embaixador Vilalba “como parte do processo de dinamização e modernização do sistema de promoção comercial brasileiro”.

 

Vinculada ao Ministério das Relações Exteriores, a Apex-Brasil tem a incumbência depromover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira.

 

Mario Vilalva é o segundo presidente da Apex demitido no governo de Jair Bolsonaro, que completa 100 dias nesta semana. Antes dele, Alex Carreiro comandou a agência por dez dias.

 

A possibilidade de demissão de Vilalva era comentada nos últimos dias nos bastidores do governo federal.  Mas durante o dia de hoje o diplomata disse que não pretendia se demitir da função.

 

O embaixador entrou em rota de colisão com Ernesto Araújo após o ministro ter promovido uma alteração no estatuto da agência sem informá-lo. A alteração no estatuto, feita em março, pretende adequar a agência à legislação que a criou, mas foi feita sem que o presidente da Apex-Brasil fosse consultado e de modo a retirar poderes da presidência.

 

Segundo fontes do governo, a mudança no estatuto tinha como intuito fortalecer a diretoria da agência, composta hoje por integrantes próximos à família Bolsonaro e ao PSL.

 

Antes mesmo da alteração no estatuto da agência, Vilalva havia entrado em embate com dois diretores, que se recusavam a assinar atos da agência, promovendo uma paralisação administrativa na Apex – entre as polêmicas, questões relacionadas à nomeação de funcionários, supostamente sem currículo para o posto, como um ex-candidato a deputado pelo PSL, e a assinatura de contratos.

 

A íntegra da nota divulgada pelo Itamaraty para anunciar a exoneração do presidente da Apex-Brasil segue abaixo:

 

 “Como parte do processo de dinamização e modernização do sistema de promoção comercial brasileiro, o Ministro das Relações Exteriores, Embaixador Ernesto Araújo, anuncia a exoneração do Embaixador Mário Vilalva da presidência da APEX.

 

O Ministro das Relações Exteriores agradece a colaboração que o Embaixador Mario Vilalva prestou à frente daquela Agência nos meses iniciais da atual gestão.”


Mais lidas


O Covid-19 na Baixada Santista vem deixando uma alta taxa de ocupação de leitos na rede hospitalar na região. Atentos a isso e solidários a nossa população, vamos promover ações no Porto, para garantir cumprimento dos protocolos sanitários já definidos. Tudo isso através das competências da Santos Port Authority (SPA), do Sindicato dos Operadores Portuários […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais