SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Novas tecnologias   /   Porto de Santos poderá receber cruzeiros com inteligência artificial nas próximas temporadas

Porto de Santos poderá receber cruzeiros com inteligência artificial nas próximas temporadas


Fonte: A Tribuna (7 de março de 2019 )
MSC Bellissima, inaugurado em Southampton, na Inglaterra, é o 4º novo navio da companhia (Arquivo pessoal)

O Porto de Santos poderá receber, nas próximas temporadas, uma nova modalidade de navios de cruzeiros. A MSC inaugurou, neste sábado (2), uma embarcação com uma tecnologia inédita de inteligência artificial. Ainda não há uma data confirmada para a estreia do recurso no litoral brasileiro, mas a expectativa é que a novidade não demore a chegar ao país por meio de uma nova embarcação ou até mesmo pelo MSC Seaview.

 

A atual temporada (2018-2019) só termina no dia 13 de Abril mas, para as principais companhias que realizam cruzeiros no litoral brasileiro, o ciclo significou um momento de retomada e crescimento, o que volta a colocar o Brasil como um importante centro de investimentos para a criação de novos itinerários e para a chegada de novas embarcações com ainda mais tecnologia.

 

Os resultados positivos, por exemplo, fizeram com que algumas companhias recalculassem suas rotas e, já para a temporada 2019-2020, que começa em novembro, programassem a vinda de mais navios para o litoral brasileiro, o que tornará a oferta desse tipo de viagem ainda maior. O principal porto de embarque no Brasil, conforme divulgado, continuará sendo o Porto de Santos.

 

O MSC Bellissima, inaugurado em Southampton, na Inglaterra, é o 4º novo navio da companhia lançado nos últimos dois anos e faz parte de um pacote de 13,6 bilhões de Euros que serão utilizados para expandir a frota da companhia para 29 navios até 2027.

 

A novidade da nova embarcação é a adoção de inteligência artificial. Zoe, como é chamada, é uma assistente pessoal digital que pode ser encontrada em cada uma das 2.217 cabines do navio. Com a ajuda de Zoe, é possível reservar restaurantes, excursões e conferir a fatura de uma forma rápida e fácil. Entre os sete idiomas da robô está o português, programado já pensando na adoção dentro do Brasil.

 

Zoe é a assistente pessoal digital que pode ser encontrada nas cabines do navio (Foto: Arquivo pessoal)

Segundo Luca Pronzati, Diretor de Inovações da companhia, Zoe estará disponível em todas as novas embarcações, que já estão sendo construídas visando a implementação de sistemas de inteligência artificial. A boa notícia para os brasileiros, porém, é que o Seaview, que fez sua estreia no país neste ano, poderá ser adaptado para receber Zoe.

 

“Dos navios que estão operando, apenas o Seaview e o Seaside suportam essa tecnologia. É um desejo fazer essa implantação, já que são navios extremamente novos. Só que não é uma coisa simples. Precisamos de uma janela, com o navio parado, para fazer adaptações. A Zoe exige algumas mudanças na parte de elétrica e de engenharia, mas é uma possibilidade”, explica Pronzati.

 

Construir Zoe foi bastante complexo. Além dos sete idiomas falados, a robô entende mais de trinta sotaques e pode responder a mais de 800 perguntas. No total, 400 colaboradores foram designados para treinar a assistente digital e, além disso, mais de 3 mil testes foram realizados na fase de conceito para que ela funcionasse bem.

 

Diretor de Inovações da MSC, Luca Pronzati explicou que todas as próximas embarcações já terão Zoe (Foto: Arquivo pessoal)

 

De acordo com o Diretor Geral da MSC no Brasil, Adrian Ursilli, o país é estratégico para a empresa e, por isso, sempre que possível novidades são apresentadas ao mercado brasileiro. Uma prova disso, segundo ele, é que o Seaview chegou ao Porto de Santos apenas seis meses após seu lançamento.

 

“Por enquanto, os brasileiros podem conhecer a Zoe à bordo do MSC Bellissima em viagens pelo Mediterrâneo ou Emirados Árabes. Como a Zoe será implementada também nos próximos navios da frota, serão mais possibilidades de termos, no futuro, um navio com esse recurso fazendo a temporada brasileira”, conta.

 

Segundo o CEO da MSC Cruzeiros, Gianni Onorato, Zoe surgiu para atender uma expectativa antiga dos passageiros. Ele explica que havia uma necessidade dos turistas encontrarem respostas para perguntas comuns de maneira rápida e fácil e, por isso, a empresa começou a procurar as melhores alternativas no mercado para atender essa demanda.

 

“Continuaremos inovando e investindo em tecnologia para surpreender todas as pessoas. Sempre nos perguntamos como melhorar o dia a dia dos nossos passageiros. A Zoe é um grande esforço para aprimorar ainda mais essa experiência. Assim que o navio partir, ela estará funcionando a todo vapor. É a tripulante mais cara que já tivemos na história”, brinca Onorato.”

 

A chegada de Zoe aos navios causou bastante preocupação nos tripulantes que, em muitos casos, ficaram preocupados com uma possível redução do quadro ou troca de colaboradores pela nova tecnologia. Segundo Pronzati, isso nunca esteve nos planos da companhia.

 

“Nunca vamos substituir as pessoas. Nunca. A tecnologia existe para ajudá-las. Continuaremos investindo firme e temos planos de expandir ainda mais o uso de novos recursos. Uma das coisas que estamos analisando é a criação de um ‘Barman Robô’. Temos certeza que seria uma grande atração, mas isso não substituiria jamais o atendimento humano”, finaliza.

 

Navio faz parte de um pacote de 13,6 bilhões de Euros que serão utilizados para expandir a frota (Foto: Arquivo pessoal)

Novo navio e novas tecnologias

O MSC Belissima tem capacidade e tecnologia para atracar em qualquer Porto do mundo. O navio conta com 20 bares, 12 restaurantes e tem como destaque dois shows exclusivos do Cirque du Soleil. Para as crianças, um parque aquático com tema desértico, que conta também com uma atração onde o hóspede caminha por uma ponte a mais de 80 metros de altura, é uma das principais atrações.

 

Uma das estruturas que mais chamam a atenção, porém, é uma promenade central de 96 metros de comprimento, repleta de lojas, restaurantes e um teto totalmente feito de led, uma espécie de céu digital, que pode simular fenômenos atmosféricos, nascer e por do sol e noites de céu estrelado.

 

Promenade de 96 metros conta com lojas, restaurantes e um teto totalmente feito de led (Foto: Arquivo pessoal)

Para quem gosta de doces, o grande destaque é a chocolataria e a sorveteria assinadas pelo confeiteiro Jean-Philippe Maury. São dezenas de possibilidades de bebidas, chocolates e sorvetes capazes de atender diferentes tipos de passageiros.

 

“Nessa questão de interatividade, permitimos que as pessoas montem o seu próprio chocolate, por meio de um tablet, com os sabores que desejarem. O doce pode, ainda, ser entregue na cabine. Toda a produção de chocolates e sorvetes é feita no navio. É uma experiência completamente diferente do que temos em terra firme”, conta.

 

 

Chocolataria e a sorveteria assinadas pelo confeiteiro Jean-Philippe Maury é destaque (Foto: Arquivo pessoal)

Na sua temporada de estreia, que começa nesta semana, o Bellissima passará pelos portos de Barcelona, Marselha, Gênova, Nápoles, Messina e Valeta. Em seguida, o navio seguirá para o Oriente Médio, onde passará por Dubai, Abu Dhabi e Sir Bani Yas, Muscat, Bahrein e Doha. Já em 2020, o primeiro roteiro do novo navio será a Ásia. O destino seguinte, que coincide com a temporada brasileira, não foi divulgado.

 

 


Mais lidas


O Covid-19 na Baixada Santista vem deixando uma alta taxa de ocupação de leitos na rede hospitalar na região. Atentos a isso e solidários a nossa população, vamos promover ações no Porto, para garantir cumprimento dos protocolos sanitários já definidos. Tudo isso através das competências da Santos Port Authority (SPA), do Sindicato dos Operadores Portuários […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais