SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Infraestrutura e Investimentos   /   Paulo Alexandre Barbosa aposta em gestão pública inovadora para Santos

Paulo Alexandre Barbosa aposta em gestão pública inovadora para Santos


Fonte: G1 (28 de janeiro de 2019 )
Paulo Alexandre Barbosa conversou com a equipe do G1. — Foto: Liliane Souza/G1 Santos

Santos completa 473 anos neste sábado (26). Em referência à data, o G1 entrevistou o prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB), que falou sobre as obras na entrada da cidade e na Ponta da Praia, além de questões como transporte público e gestão do Porto. “Gestão pública no século XXI tem que ser inovadora, tem que ser moderna. Não podemos fazer gestão de forma ultrapassada nem ter conceitos ultrapassados”, afirma.

 

Para o prefeito, é importante fazer parcerias com a iniciativa privada para captar investimentos, como é o caso do projeto de remodelação da Ponta da Praia. “Nenhum município do Brasil, eu diria, teria condições de realizar um investimento desse porte”. Segundo Barbosa, o projeto será um cartão-postal da Cidade. “É um projeto ousado para colocar Santos em outro patamar, em termos de desenvolvimento turístico”.

 

Entrada da Cidade
Segundo Barbosa, quando ele assumiu a prefeitura, não havia qualquer projeto para as obras na entrada da Cidade. “Agora começou aquilo que a pessoas conseguem enxergar, que são as obras. Mas, para chegar nessa etapa, existe uma lição de casa que a prefeitura tem que fazer, que foi muito grande. Em 2013, nós não tínhamos projeto, não tínhamos recursos, não tínhamos nada. Tínhamos a necessidade, de décadas, de fazer essa obra na entrada da cidade”.

 

Ele afirma que a solução definitiva para os alagamentos e enchentes na Zona Noroeste só irá se concretizar quando o conjunto de obras for concluído – o prazo é de até três anos. “Lógico que a cada fase concluída a população vai sentir os efeitos, os primeiros resultados”.

 

O prefeito garante que, ao longo desse período, não irão faltar recursos para garantir o andamento da obra. “Tem financiamento, dinheiro carimbado, ou seja, não vai ter problema de paralisar a obra por falta de recursos”, afirma.

 

Transporte público
Para o prefeito, a solução para que as pessoas diminuíam o uso de automóveis está no investimento no transporte público, além de obras que permitam fluidez no trânsito. Ele afirma que, até o fim de sua gestão, em 2020, toda a frota de ônibus contará com climatização e Wi-fi.

 

Segundo Barbosa, a prefeitura está partindo para a segunda fase do Veículo Leve sobre Trilhos, que fará conexão com toda a região central da cidade. “O grande caminho para a gente poder melhorar o trânsito é, além das obras viárias de grande impacto, a qualificação do transporte coletivo”, diz.

 

Porto de Santos
“Na questão do modelo de gestão portuária, eu tenho a opinião de que o Brasil está na contramão daquilo que está certo em termos de gestão portuária”, diz.

 

Barbosa defende que os municípios participem da gestão do Porto. “Tudo o que se faz no Porto precisa pedir ordem para Brasília. Eu defendo e sempre defendi a descentralização”.

 

O prefeito afirma que também defende a profissionalização da gestão do Porto de Santos e diz que espera que o novo governo tenha a sensibilidade de ouvir e fortalecer união local.

 

“Não dá para o Porto de Santos ser cabide de emprego, lugar para acomodação política de gente que não conhece o que é água nem o que é mar nem o que é Porto. É preciso pessoas qualificadas e preparadas para o exercício da função. Acho que com essas duas medidas a gente vai ter um Porto mais competitivo e eficiente”.

 

Prioridades
O prefeito afirma que os morros, a Zona Noroeste e a área continental de Santos têm prioridade dentro do governo. Ele destaca as entregas do Bom Prato dos Morros, das policlínicas do Morro Santa Maria e do Bom Retiro, além da Vila Criativa da Vila Progresso.

 

No bairro que tem o menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de Santos, o Dique da Vilda Gilda, Barbosa fala sobre a entrega do Bom Prato. “As pessoas muitas vezes ficam ali e não têm uma refeição no dia. Nós instalamos um Bom Prato dentro do Dique da Vila Gilda justamente para melhorar a vida das pessoas”.

 

Moradores de rua
Sobre a presença de moradores de rua na Cidade, principalmente na orla da praia, Barbosa destacou a entrega do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua, o Centro Pop.

 

“É importante dizer que essas pessoas só podem sair da rua se elas forem convencidas. Elas têm a opção de estar na rua, a lei faculta essa opção às pessoas. Esse trabalho de abordagem que é feito pelas equipes é um trabalho difícil”, finaliza.


Mais lidas


Os dados divulgados pela Autoridade Portuária de Santos (APS), em seu balanço operacional de março, apontam um recorde histórico na movimentação de cargas. Foram mais de 15,16 milhões de toneladas que passaram pelos terminais do Porto de Santos, um crescimento de 10,4% comparado com a marca histórica anterior, conquistada em agosto de 2020.   O […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais