SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Mercado   /   Rumo registra recordes históricos no transporte de soja por ferrovia

Rumo registra recordes históricos no transporte de soja por ferrovia


Fonte: Diário dos Campos (22 de agosto de 2018 )

Com mais de 14 bilhões de toneladas por quilômetro útil (TKU) de soja transportadas no primeiro semestre de 2018, a Rumo registrou um crescimento de 17,5% no volume do produto comparado ao mesmo período do ano passado. Os resultados refletem os investimentos em aumento de capacidade para atender a demanda crescente do principal grão cultivado no país.

 

Segundo os dados do boletim de agosto, da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a produção da soja teve um incremento de 14,5 milhões de hectares novos nas últimas 12 safras. O valor corresponde à cerca de 57% da área total semeada com grãos no Brasil.

 

Presente em seis estados (RS, SC, PR, MS, MT E SP) a concessionária atende os três principais polos de produção: Mato Grosso, Paraná e Rio Grande do Sul, que juntos correspondem a mais da metade dos 118,9 milhões de toneladas previstas na safra deste ano.

 

Na região Centro-Oeste, a empresa administra o principal corredor ferroviário de exportação. Os grãos saem do terminal ferroviário de Rondonópolis com destino ao Porto de Santos. No segundo trimestre deste ano, a carga de soja transportada cresceu 25% nas movimentações que englobam o trecho.

 

No Sul, os principais ramais de exportação ligam a cadeia produtiva aos portos de Paranaguá (PR), São Francisco (SC) e Rio Grande (RS). No comparativo do último trimestre, o volume total subiu 26,2% na operação. Conforme a Conab, a estimativa de soja exportada é de 74 milhões de toneladas.

 

Sobre a Rumo

A Rumo é a maior operadora de ferrovias do Brasil e oferece serviços logísticos de transporte ferroviário, elevação portuária e armazenagem. A companhia opera 12 terminais de transbordo, 6 terminais portuários e administra mais de 12 mil km de ferrovias nos estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. A base de ativos é formada por 1.000 locomotiva e 25.000 vagões.


Mais lidas


View this post on Instagram #Repost @brasilexport Presidente do #SOPESP fala sobre Sudeste Export; garanta já a sua inscrição “Participamos do Sudeste Export pela conectividade dos assuntos estratégicos do setor portuário, envolvendo todos os atores que movimentam os principais portos do país. Tendências tecnológicas, ambientais, legais e previsibilidade de fluxos logísticos são temas cruciais para […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

  O município de Balneário Barra do Sul, no litoral norte de Santa Catarina, poderá ganhar um empreendimento portuário vinculado a um complexo empresarial e de serviços. O empreendimento projetado – por ora é só isso, uma intenção – é denominado “Super porto BBS”. Dizem os investidores potenciais que o negócio poderá ocupar área de […]

Leia Mais