SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Mercado   /   MAPA estuda lançar selo para identificar produtos agrícolas

MAPA estuda lançar selo para identificar produtos agrícolas


Fonte: Informativo dos Portos (12 de julho de 2018 )

O Ministério da Agricultura,  Pecuária e Abastecimento (MAPA) prepara o lançamento do selo “O Melhor do Agro Brasileiro”. Inicialmente, produtos como café, grãos, suco de laranja e carnes contarão com marca, criada a partir da bandeira do Brasil. Códigos serão impressos em embalagens, permitindo aos consumidores obter informações detalhadas dos itens.

 

 A ideia, segundo o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, é que esta marca sirva como um selo de garantia da qualidade de produtos nacionais. “Desejamos que quando nosso cliente bater o olho no rótulo reconheça a origem e segurança produtiva, como já ocorre em alguns países. Queremos que a pessoa identifique um produto do agronegócio brasileiro e que, de forma rápida, encontre todas as informações necessárias”, destaca.

 

 Através do QR Code – código de barras que pode ser escaneado usando a maioria dos telefones com câmera – o cliente terá acesso a toda cadeia produtiva referente ao produto, de onde veio, a matéria-prima, por onde passou e como foi o processo produtivo.

 

 A ferramenta contou com apoio da Agência Brasileira de Exportação (Apex). “Estamos lançando esta marca, esperando que consiga traduzir a integridade, qualidade e toda garantia dos produtos agropecuários brasileiros. Será lançado para o mercado externo, mas obviamente pode ser utilizado no mercado interno também”, avalia.

 

 Durante o Fórum de Investimentos Brasil (FIB 2018), o ministro divulgou portfólio de projetos do setor com potencial para atrair mais de US$ 4 bilhões em investimentos externos. O portfólio inclui projetos privados de avicultura, logística, celulose, frigoríficos, usinas, portos, pescado, reflorestamento, entre outros setores. O Ministério da Agricultura tem adotado a estratégia de divulgar no exterior oportunidades de negócios no Brasil e vem colhendo resultados. Um exemplo é o investimento dos Emirados Árabes Unidos na ampliação de um frigorífico, que pode chegar a US$ 300 milhões em cinco anos.


Mais lidas


Conheça um pouco sobre a trajetória e o trabalho exercido pelos advogados de nossas associadas - Vivian Carvalho, gerente jurídico e compliance da Brasil Terminal Portuário e Leandro Fernandes, gerente jurídico do Terminal 12A. Pelo SOPESP, nossa Relações Institucionais, Marcelli Mello e nossa Assessora Jurídica, Gislaine Heredia.

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais

Por causa da curvatura da Terra, a distância na qual um navio pode ser visto no horizonte depende da altura do observador.   Para um observador no chão com o nível dos olhos em h = 7 pés (2 m), o horizonte está a uma distância de 5,5 km (3 milhas), cada milha marítima igual a 1.852 […]

Leia Mais