SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Mercado   /   Greve de caminhoneiros parou o agronegócio

Greve de caminhoneiros parou o agronegócio


Fonte: Globo Rural (30 de maio de 2018 )

A greve dos caminhoneiros parou o agronegócio e vem causando prejuízos milionários a diversos segmentos da produção rural. Colheitas têm sido suspensas nas lavouras. Nas granjas, a falta de ração tem provocado canibalismo entre aves. Na Bahia, por exemplo, há relatos de caminhões que levavam a alimentação para planteis sendo incendiados.

 

Na produção leiteira, as vacas que passam dias sem alimentação entram em estado de estresse, além de perder produtividade. A produção de leite deve cair e levar pelo menos 90 dias para voltar ao normal. Os estoques de ração estão quase no fim e não há embalagens para estocar o produto longa vida, que tem que ser descartado.

 

Em alguns casos, a normalização dos sistemas produtivos pode levar cerca de dois meses, com efeito sobre os preços de produtos. Há a possibilidade de, daqui algum tempo, ser discutida a “inflação da greve dos caminhoneiros”.

 

O impacto dos nove primeiros dias de movimento dos transportadores sobre a agropecuária brasileira foi assunto do CBN Agronegócio desta terça-feira (29/5).


Mais lidas


Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

Os assistidos pelo Instituto Portus de Seguridade Social, o fundo de pensão dos portuários, obtiveram importante vitória na Justiça. O juiz José Alonso Beltrame Júnior, da 10ª Vara Cível de Santos, concedeu liminar em que determina a suspensão do aumento na contribuição dos participantes da ativa e aposentados.   A ação civil pública foi promovida […]

Leia Mais