SOPESP NOTÍCIAS

Home   /   Todos   /   Docas aguarda verbas federais para Perimetral de Guarujá

Docas aguarda verbas federais para Perimetral de Guarujá


Fonte: ClipNews (11 de janeiro de 2018 )

A Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), estatal que administra o Porto de Santos, pretende avançar, neste ano, na execução de obras e projetos das avenidas perimetrais do cais santista. A diretoria-executiva da Autoridade Portuária aprovou o projeto-executivo do empreendimento na Margem Esquerda (Guarujá). Agora, resta a aprovação pela Secretaria Nacional de Portos, vinculada ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil (MTPAC).

A obra será responsável por eliminar o principal conflito entre o Porto e a Cidade na região, que é o intenso trânsito na Avenida Santos Dumont, no Distrito de Vicente de Carvalho (onde fica a zona portuária). Utilizada como acesso aos terminais da Margem Esquerda, a via é bastante usada pelos moradores.

Pelo projeto, a Avenida Santos Dumont será remodelada e pavimentada. Ela tem cinco pistas destinadas ao tráfego portuário. Três delas são para veículos que seguem em direção às instalações de carga e duas faixas são reservadas para quem deixa o complexo. Para atender ao tráfego de veículos leves, existem outras quatro pistas. Duas são utilizadas por veículos que seguem para Vicente de Carvalho e outras duas, pelos motoristas que vêm daquela região. No total, em dois quilômetros de extensão, serão construídas duas rotatórias.

O plano da Docas também prevê a implantação de duas pontes na Avenida Santos Dumont – uma estaiada e a outra, convencional. Ambas serão utilizadas para segregar o tráfego urbano do portuário na região.

“Assim que o Governo Federal separar essa verba, nós colocamos a licitação na rua, porque o Termo de Referência já está pronto. Aguardamos apenas essa definição”, destacou o diretor de Engenharia da Codesp, Hilário Gurjão.

Já na Margem Direita, em Santos, a intervenção prevista pela Codesp é no trecho da Avenida Perimetral entre a Alemoa e o Saboó. A ideia é publicar, ainda neste ano, o edital para a construção da via.

Trata-se do trecho 1 da Perimetral, compreendido entre o Viaduto da Alemoa e o trecho já executado pela Brasil Terminal Portuário (BTP). Segundo a Docas, é necessária a revisão do projeto por conta da passagem de linhas de gás da Transpetro em valas de drenagem. O serviço ficará sob responsabilidade da Transpetro, que contratou, em novembro, uma empresa para a tarefa.

MACUCO-PONTA DA PRAIA

Foram iniciados, no ano passado, os serviços para a construção dos viadutos que integrarão a Avenida Perimetral no trecho entre o Canal 4 e a Ponta da Praia. O projeto consiste na remodelação da Avenida Mário Covas e na implantação de um viaduto nas proximidades da Avenida Almirante Cochrane (Canal 5).

O empreendimento prevê a criação de um novo acesso aos automóveis e caminhões que seguem para os terminais instalados na região da Ponta da Praia. Por isso, está programada a construção do viaduto. Ele terá uma de suas alças de acesso no terreno da antiga empresa de transportes Lloydbratti, na Avenida Mário Covas. A outra extremidade ficará nas proximidades das instalações da Libra Terminais, na região.

O projeto contempla, ainda, a transferência das linhas férreas de acesso ao Corredor de Exportação de Granéis Sólidos de Origem Vegetal, que hoje passam no meio dos terminais, deslocando-as em direção à Avenida Mário Covas Jr.. Isso possibilitará ampliar os ramais ferroviários até a área do Corredor de Exportação e o adensamento de áreas hoje não operacionalizadas. Serão implantadas quatro linhas férreas.

No ano passado, foram realizadas as obras de infraestrutura necessárias à implantação da nova concepção ferroviária do trecho entre os canais 4 e 6. Houve ainda serviços preliminares e foi iniciada a fabricação das vigas pré-moldadas no Canal 4, para a construção do pontilhão.

Equipamento semelhante será construído no Canal 5, onde foram concluídas as fundações, realizado o lançamento das vigas pré-moldadas e a concretagem das lajes. No Canal 6, também foram concluídas as fundações e fabricadas as vigas pré-moldadas.

EXPECTATIVA

“Assim que o Governo Federal (a Secretaria Nacional de Portos, do Ministério dos Transportes, Portos e A viação Civil) separar essa verba, nós colocamos a licitação (das obras da Avenida Perimetral da Margem Esquerda do Porto de Santos) na rua, porque o Termo de Referência já está pronto. Aguardamos apenas essa definição”, disse Hilário Gurjão, diretor de Engenharia da Companhia Docas do Estado de São Paulo.


Mais lidas


View this post on Instagram #Repost @brasilexport Presidente do #SOPESP fala sobre Sudeste Export; garanta já a sua inscrição “Participamos do Sudeste Export pela conectividade dos assuntos estratégicos do setor portuário, envolvendo todos os atores que movimentam os principais portos do país. Tendências tecnológicas, ambientais, legais e previsibilidade de fluxos logísticos são temas cruciais para […]

Leia Mais

Através de um investimento de 100 milhões de euros, a Tesla irá entregar os dois primeiros navios porta-contêinereselétricos à Holandesa Port-Liner, em Agosto.   Após a entrega, a Tesla entregará ainda mais seis navios com mais de 110 metros de comprimento, com capacidade para 270 contentores, que funcionarão com quatro caixas de bateria que lhes […]

Leia Mais

  O município de Balneário Barra do Sul, no litoral norte de Santa Catarina, poderá ganhar um empreendimento portuário vinculado a um complexo empresarial e de serviços. O empreendimento projetado – por ora é só isso, uma intenção – é denominado “Super porto BBS”. Dizem os investidores potenciais que o negócio poderá ocupar área de […]

Leia Mais